Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Por que é um problema o Twitter bloquear o acesso de pessoas sem conta

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 03 de Julho de 2023 às 19h00

Link copiado!

Reprodução/Twitter
Reprodução/Twitter
Tudo sobre Twitter

Além dos limites diários de leitura para contas cadastradas, o Twitter também passou a bloquear o acesso às publicações da rede por pessoas sem conta. No entanto, isso significa um problema especialmente para a indexação das páginas no Google.

Respondendo um perfil no Twitter a respeito dessa mudança, Elon Musk dizze que isso se tratava de uma "medida temporária de emergência" para lidar com o que chamou de “pilhagem de dados” que estava "degradando o serviço para usuários normais". Ele não entrou em mais detalhes nem disse quando a alteração será desfeita.

Continua após a publicidade

Por que isso é um problema?

O Google e outros buscadores usam sistemas de rastreamento próprios para inspecionar as páginas que serão exibidas nos resultados de pesquisas. No entanto, esse procedimento é feito como uma navegação anônima (não existe uma conta do Google logada no Twitter vasculhando tudo que é publicado lá), e é aí que reside o problema: com o acesso bloqueado a dispositivos sem conta, o buscador não consegue acessar a página, não lê e, por fim, não indexa o conteúdo.

A diferença já foi notada após os primeiros dias de bloqueio: entre 30 de junho e 3 de julho, o número de páginas do Twitter indexadas ao Google caiu de 471 milhões para 227 milhões, segundo o Search Engine Roundtable.

Isso também tem impacto nas dinâmicas de uso do Twitter com o Google: normalmente, ao pesquisar sobre uma notícia ou acontecimento recente, o buscador exibia uma pequena janela contendo tuítes incorporados. A função era muito útil para encontrar novidades de última hora, antes até de aparecerem em portais de notícias.

Continua após a publicidade

Sem essas miniaturas, muitas pessoas ficam sem acesso a informações mais recentes. Além disso, o Google também não reconhece muitas URLs com o domínio do Twitter: ao inserir o endereço de um perfil da rede no teste de pesquisa aprimorada da empresa, que avalia a possibilidade de indexação de uma página no serviço, o resultado informa que “a URL não está disponível para o Google”.

Como Elon Musk afirmou que o bloqueio do acesso a pessoas sem conta foi uma "medida emergencial temporária", é possível que isso volte ao normal um dia. Porém, sem mais informações, a todos os usuários do Google e do Twitter resta apenas esperar que esse "apagão" acabe.