Facebook implementa ferramenta contra fake news na Índia

Por Wagner Wakka | 17 de Abril de 2018 às 17h14
photo_camera público
TUDO SOBRE

Facebook

Recentemente, o Facebook anunciou que começaria a testar uma ferramenta de checagem de fatos na Índia ainda este ano. Pois bem, em parceria com a agência Boom, a rede social passou a fazer o fact-checking em notícias de língua inglesa.

A Boom é uma empresa certificada pela International Fact-Checking Network, rede internacional que debate o tema. A ferramenta já começa a ser testada na Índia, especificamente no estado de Karnataka. A escolha do país se deve tanto pelo alto número de usuários quanto pelo fato de que o país passará por eleições já em maio.

Durante o pronunciamento para o Senado norte-americano neste mês, o CEO do Facebook Mark Zuckerberg foi enfático em demonstrar preocupação em relação às eleições nacionais que acontecem este ano, incluindo a do Brasil. Atualmente, o Facebook é acusado por conta de uso indevido de dados de pelo menos 87 milhões de usuários, cujas informações foram utilizadas em campanhas de Donald Trump e para influenciar pessoas a votarem pela saída britânica da União Europeia.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Para evitar fake news no país, as notícias que forem consideradas imprecisas pela Bloom vão ser derrubadas no feed de notícias. Isso quer dizer que elas ainda podem aparecer, mas não terão prioridade para o algoritmo. O cálculo é que, com isso, a exposição deste tipo de notícia caia em 80%.  

Além disso, páginas que repetidamente espalharam notícias falsas vão perder a possibilidade de investir em posts publicitários ou mesmo investir em publicidade na rede social.

Outras medidas

Esta não é a primeira vez que o Facebook se preocupa em tentar conter o avanço das fake news na rede. Em abril deste ano, a empresa fechou uma parceria com a Agência Lupa para o projeto Lupe!, dedicado à checagem de conteúdos relacionados às eleições de 2018 no Brasil.

A rede social também está trabalhando em ferramentas como um mecanismo que apresenta informações detalhadas sobre o autor de uma notícia divulgada nos Estados Unidos. Ao clicar no nome assinado em uma notícia, o Facebook mostra uma aba com informações do jornalista na Wikipedia, com a biografia do autor, outras publicações semelhantes e um botão que permite o usuário seguir a pessoa.

Fonte: Engadget

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.