Alex Jones é banido para sempre do Twitter e Periscope

Por Rafael Rodrigues da Silva | 06 de Setembro de 2018 às 19h40
screengrab Infowars
Tudo sobre

Twitter

Uma das mais polêmicas vozes da extrema direita dos Estados Unidos, Alex Jones está banido para sempre do Twitter. O banimento acontece cerca de um mês depois de o Twitter ter apagado postagens de Alex na plataforma.

Tudo indica que o estopim do banimento foi uma discussão acalorada entre Jones e um jornalista da CNN, transmitida ao vivo através do Periscope na quarta-feira (5). Durante a transmissão, Jones usou palavras de baixo calão e acusações infundadas para atacar tanto o repórter quanto o CEO do Twitter, Jack Dorsey — que no mesmo dia havia testemunhado no Congresso dos Estados Unidos sobre a manipulação do processo eleitoral utilizando-se as redes sociais, assim como acusações de censura de vozes conservadoras pela plataforma.

Em comunicado oficial, o Twitter afirmou que baniu a conta pessoal de Alex Jones e do Infowars, programa apresentado por ele, devido a conteúdos que violaram as políticas de conduta da plataforma. O Twitter ainda explicou que normalmente não comenta sobre o banimento de contas individuais por uma questão de privacidade, mas que nesse caso quis ser transparente sobre a decisão devido o interesse público sobre o caso.

Assista Agora: Gestor, descubra os 5 problemas que suas concorrentes certamente terão em 2019. Comece 2019 em uma nova realidade.

Ainda de acordo com o comunicado, ambas as contas foram banidas tanto no Twitter quanto no Periscope, e qualquer tentativa de Alex voltar para essas plataformas com outra conta será barrada pela empresa.

Essa não é a primeira vez que Jones é banido por causa de seu conteúdo, já que tanto ele quanto o Infowars já foram removidos do Facebook, YouTube e das plataformas de mídia da Apple. Um dos principais motivos para esses banimentos é a disseminação de teorias da conspiração, como a de que os sobreviventes tiroteio de Parkland são atores contratados (o que configura fake news), além de ataques abertos a minorias sociais.

Fonte: CNBC

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.