Thor “trolla” Homem de Ferro ao divulgar celular de Tony Stark em seu martelo

Thor “trolla” Homem de Ferro ao divulgar celular de Tony Stark em seu martelo

Por Claudio Yuge | 20 de Setembro de 2020 às 11h00
Marvel Comics

A nova fase do Thor, escrita pelo “roqueiro dos quadrinhos” Donny Cates, vem fazendo barulho. Embora seja o novo Pai de Todos de Asgard, ele não parou quieto desde a edição número 1 e simplesmente já destruiu um dos personagens mais poderosos do Universo Marvel. Em meio a essa treta, seu fiel martelo, o Mjolnir, vem mudando bastante. E uma dessas transformações envolve “trollagem” ao companheiro de equipe Homem de Ferro: ele publicou o número do celular de Tony Stark em sua arma.

Atenção: abaixo há spoilers sobre Thor #6 e #7, lançados recentemente nos Estados Unidos

Para chegar até a essa zoeira, é preciso recapitular um pouco o que aconteceu com Odinson recentemente. Além de ficar mais poderoso ao absorver a Força Odin (agora chamada de Força Thor) por assumir o trono de Asgard, ele também incorporou o Poder Cósmico de Galactus, ao se juntar com o rival no intuito de combater a ameaça ancestral conhecida como Inverno Sombrio.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Imagem: Reprodução/Marvel Comics

Resumindo esse confronto, Thor ficou tão poderoso que ganhou uma cabeleira arrepiada nos moldes dos Sayajins de Dragon Brall e foi capaz de destruir Galactus, assim como dissipar o Inverno Sombrio. Tudo isso com a ajuda do Mjolnir, que ganhou algumas novas habilidades e também se tornou mais errático. Ao final dessa batalha Odinson se depara com uma visão assustadora: ele vê Thanos erguendo seu martelo, imbuído com todas as Joias do Infinito — o que, possivelmente, deve ser um dos artefatos mais perigosos de toda a história da Marvel Comics.

Imagem: Reprodução/Marvel Comics

Perturbado pela visão, Thor conversa com Bill Raio Beta e faz as pazes com o aliado, o qual enfrentou recentemente e destruiu seu martelo, o Stormbreaker. Odinson fala a Bill sobre Thanos e afirma que sua relação com o Mjolnir vem evoluindo de uma maneira peculiar. Ao passo que ele fica mais “íntimo” de sua arma, ao mesmo tempo se sente indigno de empunhá-la. Então, ele decide fazer um “teste”.

Qualquer um pode levantar o Mjolnir agora?

Thor #7 abre suas páginas com o Mjolnir na Terra, mais precisamente em uma cratera em Broxton, Oklahoma, justamente onde Asgard já pairou por algum tempo no passado. É aí que vemos a “trollagem” de Odinson com Tony Stark. Isso é uma “vingancinha” do deus nórdico porque o Homem de Ferro já chegou a criar uma versão androide de Thor e escreveu no Mjolnir mais recentemente.

E o mais divertido dessa zoeira é que, se você ligar no 212-970-4133 (com o código dos Estados Unidos, é claro), é realmente possível ouvir uma mensagem pré-gravada de “Tony Stark”. A chamada cai na secretária eletrônica, dizendo: “Oi. Sim, este é o Homem de Ferro. Porém, devido a algum grande idiota loiro, não uso mais esse número. Mas ei, boa tentativa de qualquer maneira”.

Imagem: Reprodução/Marvel Comics

Passada essa brincadeira inicial, os números do martelo mudam para “Levante-Me”. Enquanto Tony está furioso com a “trollagem”, um mecânico local chamado Adam Aziz consegue levantar o Mjolnir e, aparentemente, ficar embuído de poder. Este seria o tal “teste” de Thor, que observa tudo por meio da visão de um corvo.

Imagem: Reprodução/Marvel Comics

Isso tudo acontece quando Donald Blake, que já foi o “avatar humano” de Thor por um bom tempo, está de volta nas histórias. E o que vem por aí só vamos saber a partir da próxima edição, que chega às bancas estadunidenses no dia 7 de outubro.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.