Mulher-Maravilha descobre poderes com seu novo laço falante

Mulher-Maravilha descobre poderes com seu novo laço falante

Por Márcio Padrão | Editado por Claudio Yuge | 18 de Setembro de 2021 às 11h30
Reprodução/DC Comics

O Laço da Verdade é talvez a arma mais icônica da Mulher-Maravilha. Além de usá-lo para prender bem vilões poderosíssimos, a heroína ainda consegue obrigá-los a dizer a verdade. Tudo muito legal, mas a atual fase dos quadrinhos da amazona nos EUA trouxeram um novo laço que não só é roxo, mas traz alguns upgrades também.

Spoilers a seguir. Em Wonder Woman #779, escrita por Becky Cloonan e Michael Conrad e ilustrada por Travis Moore, Diana atende a uma sugestão do laço falante: o Desafiador (ou Deadman) se encontra inerte à sua frente — vítima da vilã Janus — e o objeto diz que pode tentar revivê-lo na espécie de "limbo" que ele atua. E acaba conseguindo. Só lembrando que o Desafiador já vive em uma esfera entre a vida e a morte, como o fantasma de seu alter-ego humano de carne e osso Boston Brand.

Nas edições anteriores, o laço demonstrou uma natureza meio sinistra e deu outras sugestões menos amigáveis, como convencer a heroína a subjugar seus inimigos, algo que vai contra a natureza pacifista da sua portadora. Na mesma edição, descobre-se que o tal laço pertencia a seres chamados Fates (Destinos) e a amazona deixa de portar a arma no final. Não está claro se seu uso ao ressuscitar o Desafiador trará consequências futuras.  

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Mulher-Maravilha revive o Desafiador com o laço novo (Imagem: Reprodução/DC Comics)

O site ScreenRant lembra que este não é o primeiro laço alternativo ao da Verdade. Donna Troy, a Moça-Maravilha, já teve o Laço da Persuasão, enquanto Cassie Sandsmark (a segunda Moça-Maravilha) portou o Laço de Relâmpago. Até mesmo a versão maligna de Diana da Terra-3, a Superwoman, teve o Laço de Submissão.

O arco de histórias da Mulher-Maravilha está levando a personagem a um passeio pelo Multiverso DC, e a cada local novo ela acaba adaptando seu uniforme à atmosfera do lugar — depois dos eventos de Dark Nights: Death Metal, Diana entrou para o panteão de entidades cósmicas e vem visitando várias realidades antes de se tornar uma verdadeira deusa cósmica do atual Omniverso DC. A trama faz parte da celebração dos 80 anos da super-heroína, completados em dezembro deste ano. Ela estreou na revista All Star Comics #8, em 1941. 

Fonte: ScreenRant

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.