Publicidade

Flash descobre que seus poderes escondem um segredo catastrófico

Por| 09 de Dezembro de 2023 às 15h15

Link copiado!

Marvel Comics
Marvel Comics

Nos últimos meses, o Flash Wally West se tornou o herói mais poderoso da DC Comics, com habilidades de proporções cósmicas capazes de superar o Superman de várias maneiras. Com a chegada da fase de Si Spurrier e o brasileiro Mike Deodato Jr., todos esperavam que essa escalada fosse ao menos mais equilibrada, contudo as primeiras edições tornaram o Velocista Escarlate quase uma divindade. Mas…

Atenção para spoilers à frente para The Flash #3!

Spurrier já havia dito que sua fase no Flash seria bastante sombria, baseada no horror cósmico de H. P. Lovecraft; e até inspirado pelo excelente trabalho de Al Ewing com o Hulk Imortal. O escritor também comentou há meses que iria explicar com mais profundidade do que se trata a energia misteriosa que alimenta os poderes dos velocistas da DC, a Força da Aceleração.

Continua após a publicidade

E ele já cumpriu isso em The Flash #3, lançado recentemente, em que Max Mercury tenta ajudar o Flash com seu novo poder de viagem entre várias dimensões — vale lembrar que as histórias do Velocista Escarlate sempre exploraram suas passagens por diferentes momentos da cronologia natural, assim como por linhas temporais e realidades paralelas, além de outras terras do Multiverso.

Mas, agora, temos visto o Flash Wally West acessar várias dimensões localizadas entre várias camadas da mesma realidade. Em uma delas, entra em pânico quando uma poderosa explosão destrói um nível oculto.

Qual é o segredo?

Continua após a publicidade

Assim que Flash e Max retornam à sua dimensão, eles tentam descobrir a causa dessa explosão, e observam que o Impulso chegou no exato momento em que eles presenciaram o assustador estouro. Wally supõe que Bart foi a causa da explosão, e Max lembra que todos os membros da Família Flash utilizam a mesma fonte de energia — ou seja, sempre que um velocista usa seus poderes em um plano de existência, causa destruição desconhecida em outra camada.

Para piorar, o vilão Mestre dos Espelhos atingiu Flash com um espelho atômico, e, desde então, Wally tem enfrentado falhas que lhe mostram camadas ocultas, muitas vezes horríveis, da realidade. Calma que tem mais: a Força da Aceleração começou a apresentar estranhas anomalias; velocistas começaram a sentir dores físicas e monstros estranhos chamados Uncoiled tentaram matar o herói.

Assim, o ser poderoso que o Flash Wally West se tornou, na verdade, cobra um preço catastrófico e sombrio: o próprio herói sente que sua percepção mudou, de uma forma que ele sente que pode ter um colapso, além de estar lidando com o fato de os heróis velocistas estarem causando enormes danos em outras camadas da realidade. E nesses lugares existem seres esquisitos, mas ainda assim sencientes.

Continua após a publicidade

Isso traz diversas questões ao Flash e seus aliados velocistas: até que ponto a Força da Aceleração pode ser acessada sem causar danos? Que tipo de situação será a referência para que Wally decida se vale a pena detonar uma camada da realidade para usar seus poderes? O que aconteceria — e aconteceu — quando o Velocista Escarlate usou sua capacidade máxima? E como o mundo vai lidar com vários heróis que agora devem diminuir o ritmo na luta contra os vilões, que estão também mais perigosos?

Bem, agora a fase de Spurrier realmente começou.