Conheça o novo Ubuntu para smartphones

Por Redação | 02 de Janeiro de 2013 às 20h06

Já era de se esperar que o Ubuntu se voltaria um pouco mais para o mundo móvel quando sua versão para Android foi anunciada no ano passado, originalmente como uma plataforma capaz de transformar qualquer smartphone Android em um desktop acoplável, em situações específicas.

Liberar o Ubuntu como um substituto para um sistema operacional inteiro do Nexus 7 foi outro grande passo, que, embora ainda em estágio inicial de desenvolvimento, mostra algumas promessas. O fundador da Canonical, Mark Shuttleworth, escreveu em seu blog que realmente não tem planos de parar de evoluir no mundo mobile.

Dito e feito: a Canonical anunciou nesta quarta-feira (02) que está levando o sistema operacional Ubuntu para o mundo mobile. O novo OS é baseado no kernel do Android, e, segundo a Canonical, abre caminho para uma nova categoria de 'superphones'. A empresa afirma que o Ubuntu para smartphones não tem a sobrecarga de uma máquina virtual Java, o que permite que todas as aplicações centrais funcionem rapidamente, mesmo em hardwares de baixo custo.

Na página dedicada ao novo OS, podemos ver que aparelhos com alto desempenho também se dão bem com o sistema, já que podem conversar e rodar o sistema completo com um monitor e um teclado (os chamados 'superphones') por meio de um dock apropriado. Para isso é necessário que o dispositivo possua um processador quad-core ARM ou Intel Atom, 1 GB de RAM e no mínimo 32 GB de armazenamento interno.

A descrição do sistema operacional móvel também fala muito a respeito da interface desenvolvida para telas menores, que promete tornar o acesso aos aplicativos mais fácil e imersivo. Ele também inclui aplicativos nativos que cobrem os elementos essenciais que esperamos em um telefone: telefonia e correio de voz, SMS e MMS, e-mail, navegação na web, fotografia, música e vídeo.

Os primeiros smartphones a saírem da fábrica com o Ubuntu devem ser lançados apenas em 2014, mas a Canonical promete que, dentro de algumas semanas, o sistema operacional já estará disponível - pelo menos para os usuários do Galaxy Nexus, aparelho utilizado para demonstrar o sistema em funcionamento no vídeo de divulgação.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.