Publicidade

Review JBL Endurance Peak 3 | Fone robusto e muito confortável

Por| Editado por Léo Müller | 11 de Maio de 2023 às 09h18

Link copiado!

Review JBL Endurance Peak 3 | Fone robusto e muito confortável
Review JBL Endurance Peak 3 | Fone robusto e muito confortável

A JBL tem diversos modelos de fones de ouvido para diferentes perfis de usuário, do casual até o esportivo. O JBL Endurance Peak 3, lançamento da marca no Brasil, vai um pouco além, buscando conquistar o atleta hardcore com resistência a poeira e água, design robusto e muitas horas de bateria.

Será que vale a pena apostar no Endurance Peak 3? Fiz muito exercício com o novo fone de ouvido da JBL e conto minhas impressões nesta análise completa. E se você se interessar pelo modelo ao final desta análise, haverá links de compra confiáveis para você aproveitar!

🛒 Confira os preços do JBL Endurance Peak 3 no Magalu

Continua após a publicidade

🛒 Compare os preços do JBL Endurance Peak 3 no Zoom

Design muito resistente e confortável

O Canaltech está no WhasApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

O Endurance Peak 3 não mudou no design em relação ao Peak 2, o que é ótimo. Ainda temos um formato semelhante ao de uma orelha, propositalmente desenvolvido para adaptar os fones na parte de trás da hélice — a parte maior e mais visível da orelha — com maior facilidade.

Pode parecer estranho de início, mas, quando você o coloca pela primeira vez, faz todo o sentido. O gancho dobrável prende muito bem na orelha e, pelo fone de ouvido ter formato intra-auricular, é praticamente impossível fazê-lo cair do seu ouvido, mesmo se você estiver se mexendo muito.

Nos meus testes, pratiquei corrida e alguns exercícios de musculação mais comuns, e o Peak 3 nem ameaçou escorregar. Caso o fone de ouvido não esteja tão firme quanto precisa, a JBL envia um expansor e três borrachinhas de silicone, para que você consiga deixá-lo mais confortável.

Continua após a publicidade

Para o tamanho e o formato da minha orelha, o modelo me chamou atenção positivamente, pois tudo encaixou perfeitamente. Diferentemente da minha colega Jucyber, que teve problema com o design do Endurance Peak 2 em longos períodos, não senti nenhum incômodo, fosse praticando esportes ou simplesmente ouvindo músicas em casa.

Um dos diferenciais do Peak 3 é sua resistência à água, aguentando até 1,5 m de profundidade em água doce ou salgada por até 30 minutos. É claro que não será possível ouvir música enquanto pratica natação, mas é uma garantia extra de resistência a suor e chuva.

Acompanhando a robustez dos fones de ouvido, o estojo de carregamento é igualmente grande, com tamanho e espessura de um sabonete. Obviamente, não é recomendável usá-lo no bolso da bermuda, mas deve servir em bolsinhas apropriadas.

Continua após a publicidade

Interação e conectividade

A parte externa dos JBL Endurance Peak 3 traz uma área sensível ao toque com ações diversas dependendo da quantidade de toques. Os comandos podem ser personalizados no aplicativo JBL Headphones.

Com ele, é possível controlar os perfis de som ambiente, acionar o assistente de voz, diminuir ou aumentar o volume, aceitar ou negar ligações, e mudar músicas. A região touch tem um acesso adequado e a resposta é precisa.

Continua após a publicidade

Os earbuds também têm sensores que ativam os fones assim que eles são encaixados no ouvido. Essa tecnologia, chamada pela empresa de Powerhook, permite uma identificação do momento em que os fones realmente estão em uso para aprimorar a autonomia da bateria.

O aplicativo JBL Headphone, por sua vez, tem um funcionamento extremamente simples. Todos os recursos e configurações do fone são exibidos em cartões logo na primeira tela, então basta entrar em um deles para ter informações específicas.

Com relação à conectividade, o Peak 3 tem Bluetooth 5.2, devendo se manter conectado sem problemas numa distância de até 10 metros do outro dispositivo. Nos meus testes, pareei o fone com um iPhone SE (2022), e nada tive para relatar em uma semana de uso.

O som e o microfone são bons?

Continua após a publicidade

O JBL Endurance Peak 3 é para quem gosta de graves, portanto não é nenhuma surpresa dizer que as frequências mais baixas roubam a cena em quase todas as músicas. Nesse caso, não achei uma coisa ruim, pois os médios e agudos também têm sua presença, o que acaba equilibrando as coisas.

Os médios e agudos se destacam, tendo a definição e o protagonismo adequados nos vocais e nos instrumentos quando os graves não são o foco, como em “He Said She Said”, da banda de synth pop Chvrches. Aqui, os efeitos mais altos e a voz da cantora são os destaques, embora o grave apareça quando é exigido.

Em “Hardwired”, do Metallica, por sua vez, vemos um baixo e um bumbo bastante potentes em quase toda a canção, mas que não se sobressaem ao som da guitarra, do hi-hat e do prato. Dá para ouvir tudo com muita clareza.

Continua após a publicidade

O microfone certamente não é um dos diferenciais do Endurance Peak 3. São quatro microfones, sendo dois em cada fone, que captam um som baixo, bastante comprimido e abafado, como se eu estivesse falando de um quarto pequeno totalmente fechado.

Assim, não é inaudível, e você não deve ter problemas em mandar mensagens de voz pelo WhatsApp ou atender a ligações, mas fones de ouvido bem mais baratos, como o Edifier X3s e o Endurance Race TWS, apresentam atuações melhores nesse campo.

Embora o fone não tenha uma captação de voz tão agradável, alguns recursos envolvendo o microfone são bem úteis. O Ambient Aware, por exemplo, ativa os 4 microfones para você ouvir o que está ao seu redor mais claramente, enquanto o TalkThru permite ter mais clareza nas vozes.

Também temos o VoiceAware, que basicamente controla o retorno da voz durante as chamadas. Ele possui 3 níveis de retorno, personalizáveis pelo aplicativo JBL Headphones.

Continua após a publicidade

Bateria e carregamento

Segundo a JBL, o Endurance Peak 3 tem bateria de até 50 horas de uso sem precisar de tomada, sendo 10 horas dos fones de ouvido e 40 horas do estojo de carregamento. Vale mencionar que a duração de bateria do produto depende de alguns fatores, como nível de volume e recursos ativados.

Continua após a publicidade

Em um dos dias de teste, tirei o Peak 3 da case totalmente carregado por volta das 11h e ouvi cerca de 5 horas de música, vídeos no YouTube e lives na Twitch, com volume em 80%. Às 16h, o app JBL Headphones indicou que o earbud esquerdo estava com 70% de energia restantes, enquanto o direito, 80%.

Ou seja, é tranquilo afirmar que o lançamento deve ultrapassar a estimativa de uso prometida pela JBL. Com relação ao carregamento, a empresa afirma que apenas 10 minutos garantem uma hora de reprodução de músicas, mas 2 horas recuperam completamente a bateria do fone.

Concorrentes diretos

O concorrente mais conhecido do Endurance Peak 3 é o Powerbeats Pro. Essencialmente muito parecidos, eles trazem formatos semelhantes, equilíbrio sonoro e conectividade adequada para a maioria dos usuários. Para os usuários de iPhone, no entanto, o modelo da Beats pode ser mais interessante pelo chip Apple H1, que conversa melhor com os celulares da Maçã.

Continua após a publicidade

Apesar dos diferenciais na conectividade do Beats, o Peak 3 tem bateria melhor, certificação IP68 e um custo-benefício muito superior, já que pode ser encontrado por cerca de R$ 650. Seu rival, por outro lado, é encontrado por cerca de R$ 1.700.

🛒 Confira as ofertas do Powerbeats Pro no Magalu

🛒 Compare os preços do Powerbeats Pro no Zoom

Continua após a publicidade

O JBL Endurance Peak 3 vale a pena?

O Endurance Peak 3 é um fone de ouvido Bluetooth muito competente naquilo que se propõe: ser o melhor amigo do atleta durante os exercícios. A construção robusta, o som de qualidade e a bateria de longa duração são os seus principais pontos positivos.

Seu preço na faixa dos R$ 650 também é adequado, sendo uma alternativa mais interessante e acessível que o Powerbeats Pro. No entanto, eu só recomendo o Endurance Peak 3 para atletas ou pessoas que praticam esportes mais radicais, que realmente aproveitarão todos os diferenciais do fone.

Para uso mais simples, como musculação, outros modelos da própria JBL, mais compactos e igualmente robustos, já dão conta do recado, como o Endurance Race TWS e o Endurance Run 2 Wired — e eles são mais acessíveis.

🛒 Confira os preços do JBL Endurance Peak 3 no Magalu

🛒 Compare os preços do JBL Endurance Peak 3 no Zoom