IBM fecha negócios na Rússia e demite funcionários

IBM fecha negócios na Rússia e demite funcionários

Por Márcio Padrão | Editado por Claudio Yuge | 08 de Junho de 2022 às 22h20
Unsplash/Mikita Yo

A IBM informou, em comunicado à imprensa na terça-feira (7), que vai encerrar as atividades da empresa na Rússia e demitir funcionários da filial. Ela segue o caminho de outras empresas norte-americanas que mantinham negócios no país até o conflito na Ucrânia, iniciado em fevereiro.

O texto, assinado por CEO da IBM, Arvind Krishna, na verdade reproduz um memorando enviado aos trabalhadores da companhia em 30 de maio. As operações comerciais da big tech na Rússia já estavam suspensas desde 7 de março. Diz Krishna:

Optamos por suspender as operações para que pudéssemos avaliar as opções de longo prazo, enquanto continuamos a pagar e fornecer aos nossos funcionários na Rússia. À medida que as consequências da guerra continuam aumentando e a incerteza sobre suas ramificações a longo prazo cresce, tomamos agora a decisão de realizar uma paralisação ordenada dos negócios da IBM na Rússia. Vemos esse movimento como certo e necessário, e um próximo passo natural após a suspensão do nosso negócio.

Operações comerciais da IBM na Rússia haviam sido interrompidas em março (Imagem: Reprodução/Dmitry Ivanov/Creative Commons)

"Reconhecemos que esta notícia é difícil, e quero assegurar-lhes que a IBM continuará a apoiá-los [os agora ex-funcionários da Rússia] e tomar todas as medidas razoáveis para fornecer suporte e fazer sua transição da forma mais ordenada possível", completa o texto.

Krishna havia dito à agência de notícias Reuters no início do mês passado que não tinha certeza de quanto tempo a empresa poderia pagar seus funcionários na Rússia por causa das crescentes sanções do Ocidente contra o país em guerra contra a Ucrânia. Um porta-voz da IBM disse à Reuters que a empresa emprega várias centenas de funcionários na Rússia.

Fonte: IBM

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.