Chrome testa função que reduz resolução de vídeos para economizar dados

Por Felipe Junqueira | 13 de Julho de 2020 às 21h00
Reprodução
Tudo sobre

Google

Saiba tudo sobre Google

Ver mais

O Google trabalha constantemente para aperfeiçoar o navegador Chrome, e traz diversas novas funções toda semana, como, por exemplo, aquela que vai mudar a maneira como a gente consome músicas e vídeos na internet. Para a versão Lite, os desenvolvedores preparam uma solução para reduzir o consumo de dados, uma preocupação cada vez maior no mercado.

Em termos simples, o Chrome para Android, quando ativado no modo Lite, vai passar a transmitir vídeos em baixa resolução para consumir menos dados da franquia. De acordo com a explicação oficial, “a otimização LiteVideo vai ajudar a economizar dados em transmissões de vídeos ao encorajar reprodutores de vídeo a usar bitrates mais baixos”.

Ou seja, com a função ativada, o vídeo será reproduzido em uma versão de qualidade um pouco mais baixa. O bitrate, como explicamos antes, é o volume de dados que cada segundo de um arquivo de mídia possui, seja vídeo ou áudio. Com menos dados por segundo, o consumo da franquia será menor, ao custo de uma qualidade inferior da mídia. O incrível é que, em vídeos muito grandes, por exemplo, a redução de alguns bytes por segundo não chega a ser percebido pelo usuário, mas já consome bem menos dados.

Tudo indica que o LiteVideo não ficará limitado ao Chrome para Android. Neste, ele está previsto para chegar à versão estável já no Chrome 86. Posteriormente, o Google pretende expandir a função também para o navegador no Windows 10, macOS, Linux e Chrome OS.

Recurso LiteVideos já pode ser ativado no Chrome Canary para Windows 10 (Captura de tela: Felipe Junqueira/Canaltech)

A reportagem do Canaltech conseguiu confirmar que o recurso já está disponível no Chrome Canary para Windows 10. Para ativar, basta digital chrome://flags na barra de endereços e buscar pelo termo lite. Você pode deixar como padrão, ativar ou desativar.

Fonte: TechDows

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.