Spotify ou Amazon Music: qual tem o melhor preço e catálogo?

Por Bruno Salutes | 11 de Dezembro de 2019 às 10h12
9to5mac

A Amazon está presente em vários mercados, e um deles é o de streaming de músicas. Além do Prime Video, plataforma para transmissão de vídeos, há também o Amazon Music, a versão destinada a música. Para quem já conhece o famoso Spotify, será que vale a pena testar ou migrar para a opção da Amazon? É o que iremos descobrir a seguir.

Spotify vs. Amazon Music: preços e catálogo

Ambos os serviços contam com modelos diferentes de assinatura. Elas oferecem benefícios distintos e, no caso das versões para estudantes, precisam de documentos que aprovem a legibilidade do usuário. Os preços mensais são os seguintes o Amazon Music:

  • Amazon Music: R$ 9,90 com o Amazon Prime (pacote de benefícios da Amazon. Saiba mais aqui.), acesso a dois milhões de músicas em alta qualidade;
  • Music Unlimited: R$ 16,90 e acesso a 60 milhões de músicas em alta qualidade;
  • Unlimited Família: para até seis pessoas por R$ 25,90;
  • Prime Echo: assinatura especial para quem reproduz músicas no Echo Dot ou Echo Show, por R$ 6,90.

O serviço da Amazon tem preços competitivos e até mais acessíveis que o Spotify, como veremos a seguir. Mas o usuário precisa tomar alguns cuidados, visto que algumas dessas assinaturas oferecem acessos mais limitados ao acervo do serviço, como é o caso do Music, de R$ 9,90. Ela custa esse valor pois faz parte do Amazon Prime, assinatura única que oferece frete grátis no site da Amazon, inclui o Prime Video e o Prime Reading (oferece livros e revistas selecionados). Nessa modalidade, contudo, o acervo disponível para o usuário cai de 60 milhões, disponível na assinatura Unlimited, para apenas 2 milhões.

Página inicial e player do Amazon Music / Captura de tela: Bruno Salutes

Estranhamente, o Amazon Music não conta com uma assinatura especial para estudantes, que costuma ser mais acessível que os valores convencionais. Não há plano grátis no Amazon Music, mas o usuário pode testar o serviço por 30 dias sem custo.

Os preços mensais do Spotify são os seguintes:

  • Spotify Premium: R$ 16,90 e streaming em alta qualidade
  • Universitário: 50% de desconto, por R$ 8,50;
  • Conta dupla: para duas pessoas, por R$ 21,90;
  • Família: até seus usuários por R$ 26,90;
  • Grátis: modo de reprodução aleatório, anúncios entre faixas e baixa qualidade.

O ponto forte do Spotify também é a variedade de assinaturas que oferecem acesso ao catálogo completo do serviço. A assinatura gratuita é outro ponto que o usuário deve considerar levando seus contos negativos em conta, que são o streaming em baixa qualidade e o modo de reprodução de músicas aleatório e com anúncios. Há um inconveniente na assinatura Familiar que restringe o acesso a residentes no mesmo endereço.

Página inicial e player do Spotify / Captura de tela: Bruno Salutes

Por fim, com relação ao tamanho dos catálogos, o Spotify confirma ter aproximadamente 50 milhões de faixas, enquanto o Amazon Music tem cerca de 60 milhões.

Spotify vs. Amazon Music: qualidade do streaming

Com exceção da assinatura grátis do Spotify, as demais modalidades de ambos os serviços oferecem streaming em alta qualidade. Há algumas diferenças no formato usado para compressão do áudio que podem mudar a percepção do som em termos de qualidade, sobretudo quando usando um fone de ouvido de alta fidelidade sonora.

A qualidade máxima oferecida pela Amazon é de 320 kbps no formato AAC. Essa taxa pode variar de acordo com a qualidade da conexão à internet, podendo cair para 24 kbps nas piores situações. Já o Spotify oferece a mesma taxa máxima e formato, de 320 kbps em AAC, embora a menor taxa de compressão seja de 96 kbps.

Uma vantagem do Spotify em comparação com o Amazon Music é a presença de um equalizador de áudio, o que pode otimizar a reprodução do streaming em celulares mais básicos.

Controle de qualidade do streaming do Amazon Music (à esquerda) e Spotify (à direita) / Captura de tela: Bruno Salutes

Agora uma curiosidade sobre a Amazon: apenas nos Estados Unidos, a modalidade HD oferece qualidade de 850 kbps no modo "alta" e 3730 kbps em modo ''Ultra". O Amazon Music HD usa o formato FLAC que é o mais fiel e menos comprimido em relação aos demais, como o MP3 e o próprio AAC.

Spotify vs. Amazon Music: compatibilidade

Ambos os serviços contam com versões para navegadores de internet (web), aplicativo para Windows e Mac, e compatibilidade com Apple TV, Android TV, Chromecast e Amazon Fire Stick TV.

Interface da versão web do Amazon Music / Captura de tela: Bruno Salutes

O Spotify, por sua vez, está presente alguns outros aparelhos extras, como Smart TVs selecionadas da Samsung e LG, e consoles como Playstation e Xbox One com aplicativo completo.

Interface da versão web do Spotify / Captura de tela: Bruno Salutes

E você, já usou algum desses serviços ou ficou com vontade de experimentá-los? Compartilhe sua opinião ou experiência sobre o Amazon Music ou o Spotify com a gente nos comentários abaixo.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.