Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Sabia que Larry Page, ex-CEO do Google, coleciona ilhas privadas?

Por| Editado por Claudio Yuge | 26 de Dezembro de 2022 às 09h00

Link copiado!

Pexels/Ahmad Zakaria
Pexels/Ahmad Zakaria
Larry Page

O cofundador e ex-CEO do Google, Larry Page, possui pelo menos quatro ilhas privadas — é o que diz uma reportagem do Business Insider. Segundo os documentos acessados pelo portal, o bilionário tem três ilhas na região do Caribe, a Hans Lollik, sua vizinha menor, Little Hans Lollik, e a Eustatia, localizadas nas Ilhas Virgens Britânicas; e a ilha de Tavarua, no Pacífico Sul.

Apesar de manter a sua vida privada e não estar claro os motivos para tal "coleção", especula-se que a maioria tenha uma razão sentimental. Uma das propriedades, a ilha Eustatia, fica ao lado da Ilha Necker — do empresário Richard Branson, onde Page pediu sua esposa em casamento.

Além das paisagens paradisíacas, porém, a descoberta das ilhas remetem a comentários que ele fez no passado sobre ter um lugar "seguro" para tecnólogos testarem suas ideias sem ter que aplicar ao público. Segundo os funcionários de sua extinta empresa de carros voadores, Page só queria "um carro voador para ir de seu iate para sua ilha particular".

Continua após a publicidade

Segundo a Business Insider, o executivo está investindo na implantação de tecnologias sustentáveis nas ilhas. Em 2021, um resort na ilha de Tavarua, localizada no arquipélago Mamanuca em Fiji, anunciou a instalação de 483 painéis solares e bateria da Tesla.

Polêmicas nas ilhas tropicais

No entanto, os investimentos do 6º homem mais rico do mundo também geraram polêmicas. O bilionário se envolveu em uma batalha judicial para a aquisição das ilhas Hans Lollik, visto que um incorporador imobiliário chamado James Eckel alegou possuir um acordo de compra das ilhas. O juiz decidiu contra ele, mas a disputa continua em andamento em um tribunal do Texas, nos Estados Unidos.

Após sair da posição de CEO da Alphabet, empresa-mãe do Google, Page foi passar um tempo em uma ilha em Fiji com sua família durante o lockdown em 2020. Em uma emergência, ele pediu autorização especial para viajar até a Nova Zelândia para que seu filho de 12 anos pudesse receber atendimento médico.

Apesar das rígidas regras de isolamento, a primeira-ministra do país, Jacinda Ardern, permitiu — o que ocasionou uma reação negativa de diversos neozelandeses proibidos de voltar para casa durante o período.

Ainda no verão de 2020, as ilhas Hans Lollik voltaram a ser assunto quando 15 homens com roupas camufladas atiraram com rifles em cabras, em uma das propriedades do bilionário. Cerca de mil animais teriam sido mortos ao longo dos meses.

Em entrevista ao jornal St. Thomas Source, uma autoridade policial disse que os atiradores possuíam autorização para abater as cabras "invasoras", que representavam uma ameaça aos ecossistemas insulares. Não está claro se Page teve participação no episódio.