Publicidade

Prédios de Nova York estariam fazendo a cidade afundar lentamente

Por| Editado por Patricia Gnipper | 17 de Maio de 2023 às 19h54

Link copiado!

Rodilei Morais
Rodilei Morais

Pesquisadores da Universidade de Rhode Island e do Serviço Geológico dos Estados Unidos mostraram que o peso dos prédios em Nova York está fazendo a cidade afundar cerca de 2 milímetros por ano. A grande quantidade de construções estaria contribuindo com a subsidência do solo — processo que, por vários motivos possíveis, faz com que a terra se desloque para baixo.

Um processo comum na geologia, a subsidência pode acontecer — como é o caso na Cidade do México — quando se retira um material, água ou gás, por exemplo, e as partículas do solo preenchem o espaço vazio. Outra causa possível é, em regiões de cavernas, o desgaste químico das rochas pela água, fazendo com que as paredes das cavidades cedam.

Continua após a publicidade

No caso de Nova York, o fator responsável pelo afundamento são as 764 milhões de toneladas de suas construções, de acordo com o estudo. Os cientistas distribuíram esse peso através da cidade em um modelo computacional, considerando as diferenças de solo e relevo através do território. A simulação ainda foi calibrada por dados reais de subsidência extraídos de imagens de satélite.

O resultado foi que, em média, a cidade como um todo afunda de 1 a 2 milímetros por ano, mas diferentes partes dela podem apresentar deslocamentos maiores ou menores. Solos ricos em argila e regiões aterradas artificialmente são os locais mais suscetíveis, enquanto solos arenosos e áreas de solo raso, próximas ao leito rochoso, não devem afundar.

Regiões costeiras, como é o caso da mais populosa metrópole dos Estados Unidos, já estão sujeitas ao aumento do nível dos mares, o que pode colocar uma grande de quantidade de pessoas e construções em risco no futuro — risco esse que pode ser agravado se a cidade também está afundando por outros motivos. O estudo surge como um alerta para outras áreas urbanas pelo mundo, que não estão considerando o peso de seu ambiente construído quando simulam os efeitos da subsidência do solo.

Continua após a publicidade

Fonte: Earth's Future Via: Phys.org