Para Nokia, implementações de 5G serão "só marketing" até 2020

Por Rafael Romer | 18 de Outubro de 2016 às 12h30

As redes móveis de quinta geração (5G) têm, aos poucos, se tornando uma tecnologia cada vez mais próxima da realidade, com implementações já em teste em diversas partes do mundo.

No entanto, na avaliação de Dimitri Diliani, diretor da Nokia para a América Latina, ao menos até 2020, a tecnologia será usada principalmente para "marketing", ainda distante de aplicações de mercado.

"Honestamente, entre 2018 e 2019, o 5G será mais uma corrida de marketing do que de aplicações de verdade. Todas as empresas vão querer a última tecnologia, mostrar que estão investindo", comentou o executivo durante uma conversa com a imprensa nesta segunda-feira (17), no Futurecom 2016. "É algo bom, mas da perspectiva de aplicações, nós só deveremos vê-las quando não pudemos mais usar o 4G".

Mesmo quando as primeiras aplicações comerciais do 5G começarem a chegar ao mercado, o que deverá ocorrer a partir de 2020, o executivo acredita que a implementação será feita em "ilhas" em um primeiro momento – atendendo a demandas específicas de determinadas regiões, como dispositivos IoT com demanda por baixíssima latência em grandes cidades, enquanto o 4G (LTE) permanecerá como o principal vetor de conectividade para a maior parte dos consumidores.

A multinacional finlandesa do setor de comunicações é uma das companhias que tem investido pesado no desenvolvimento e implementação do 5G. Na semana passada, a empresa realizou seu primeiro teste com a rede de quinta geração na Australia, em parceria com a operadora Vodaphone, entregando uma velocidade de 5 Gbps em um teste na Universidade de Tecnologia de Sidney.

Aqui na América Latina, no entanto, a Nokia ainda não está envolvida em nenhuma implementação de 5G. Mas isso pode mudar em breve: já durante o Futurecom deste ano, a concorrente Ericsson realizou seu próprio projeto piloto com a tecnologia no Brasil, o que deve acirrar a concorrência das organizações do setor em implementações da tecnologia na região.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.