5 curiosidades sobre o metaverso

5 curiosidades sobre o metaverso

Por Lu do Magalu | Editado por Patrícia Gnipper | 08 de Dezembro de 2021 às 15h06
WildMediaSK/Envato

Você já ouviu falar no metaverso? Essa nova tecnologia é uma versão aprimorada da realidade aumentada (VR), que permite que várias pessoas compartilhem um espaço virtual colaborativo e imersivo. Então, metaverso é o nome da união desses vários mundos virtuais que existem na internet. Bem legal, né? Parece até a sinopse de um filme de ficção científica, mas já é parte da realidade!

Nesses últimos meses, o metaverso é um assunto que tem ficado cada vez mais popular na internet. Afinal, essa tecnologia pode estar mais próxima de existir do que a gente imaginava. Será que esse é o futuro da internet?

Metaverso x Realidade Aumentada: qual a diferença?

Gente, vale explicar que existe uma diferença importante entre metaverso e realidade aumentada (RA). A tecnologia de RA faz parte do metaverso quando estamos falando de um ambiente virtual que interage com elementos do mundo real. Mas, nem sempre isso acontece: no metaverso, também existem espaços que são apenas virtuais. Então, essa é uma diferença muito importante, tá?

Mulher usando óculos de realidade aumentada sobre a luz violeta (Imagem: WildMediaSK/Envato)

Ah! E o mundo virtual é construído a partir de uma série de tecnologias como a realidade virtual, realidade aumentada ou estendida, realidade mista e holográfica. Essas são algumas das principais diferenças apontadas pelo Hospitalar Hub, sobre essa tecnologia. Olha só:

  • realidade virtual: cria um ambiente próprio totalmente novo, ou independente do mundo real;
  • realidade aumentada ou estendida: quando um ambiente virtual inclui elementos do mundo real;
  • realidade mista: é o nome dado a realidade que mistura a tecnologia virtual e aumentada;
  • realidade holográfica: é uma tecnologia que usa o registro de padrões de luz para recriar um objeto ou uma pessoa em 3D;

Por isso, nessa matéria, vou te mostrar 5 curiosidades sobre o metaverso que você precisa conhecer. Confira nas próximas linhas!

1. O Metaverso na área da saúde

Gente, o Metaverso, pode revolucionar a medicina como conhecemos hoje em dia! Segundo Guilherme Hummel, coordenador científico da Hospitalar Hub e Head Mentor do EMI (eHealth Mentor Institute) "A chegada do 5G ao Brasil deve impulsionar a aplicação do metaverso, principalmente na telemedicina." Assim, usando a tecnologia de realidade aumentada no metaverso, a área da saúde pode melhorar o tratamento de muitas pessoas ao redor do mundo.

O coordenador científico também dá exemplos: "num exame ocular o médico e o paciente usarão esses aparelhos e ferramentas de metaverso para facilitar o diagnóstico. Desta forma, o oftalmologista poderá dar ter uma visão tridimensional dos olhos do paciente para encontrar anomalias. A tecnologia 5G promete ainda disseminar o uso de sensores, inclusive na coleta de sinais vitais enviados ao médico via internet."

Cirurgião usando a tecnologia HoloLens da Microsoft durante treinamento (Imagem: Reprodução/Microsoft)

Além disso: "Num futuro bem próximo, o cirurgião e outros especialistas usarão headsets para realizar procedimentos de maneira a ter uma visão mais detalhada não só da área operada, mas também embaixo da pele e do sistema cardiovascular", complementa Guilherme Hummel. Bem legal, né?

2. Imóveis virtuais começam a ficar em alta

O mercado imobiliário também está mudando com o metaverso. Com os recentes anúncios da empresa Meta (antigo Facebook.inc) investindo na criação de um universo virtual que integre todos os seus serviços, várias empresas como a Microsoft, Nike, Qualcomm, Disney e outras companhias gigantes já demonstraram interesse em serem soluções nesse mundo virtual.

Terrenos são vendidos à preços milionários no Decentraland (Imagem: Captura de tela/Canaltech)

Assim, várias pessoas podem criar seus avatares e participar desse universo online coletivo. Esses "imóveis virtuais" estão sendo vendidos por valores milionários na internet. Recentemente, um terreno no mundo online Decentraland foi vendido por US$ 2,4 milhões (R$ 13,5 milhões). Então, essa é outra tendência que está surgindo com a chegada do metaverso.

3. Já existem lojas de verdade no metaverso

Já imaginou fazer compras online em uma loja de verdade no Metaverso? A Lacta, por exemplo, já lançou uma loja que usa a tecnologia de realidade virtual para inserir os clientes no metaverso. A ideia é que todos possam fazer compras online através espaço virtual Lacta. Desenvolvido em parceria com a plataforma ByondXR, o espaço permite que você entre em uma loja virtual com temática natalina e interaja com vários produtos.

Loja virtual da Lacta no Metaverso já está disponível online (Captura de tela: Canaltech)

4. O futuro dos videogames

Tecnologias como a NVIDIA Omniverse também podem revolucionar o mercado dos games nos próximos anos. Essa plataforma funciona como se fosse um "mundo paralelo" que se conecta com a realidade, permitindo que desenvolvedores e pessoas comuns experimentem ambientes virtuais que se parecem e se comportam exatamente como no mundo real. Então, isso pode ser muito interessante para o desenvolvimento de jogos!

5. Profissões estão em alta no metaverso

Com o metaverso cada vez mais em alta, várias profissões da área de tecnologia podem começar a ter uma maior procura como programadores, designers, desenvolvedores de ecossistema e até mesmo profissionais de cibersegurança. Além disso, o metaverso também abre oportunidades para novos cargos e profissões no futuro.

Cibersegurança será uma tendência com a chegada do Metaverso (Imagem: Envato/twenty20photos)

Essas são algumas curiosidades sobre o impacto da chegada do metaverso. O que mais será que está vindo por aí? Gostou dessa matéria? Compartilhe essas curiosidades com seus amigos!

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.