Wi-Fi BR vai levar 1,2 mil pontos de internet gratuita para cidades sem conexão

Wi-Fi BR vai levar 1,2 mil pontos de internet gratuita para cidades sem conexão

Por Roseli Andrion | Editado por Claudio Yuge | 16 de Setembro de 2021 às 14h30
Envato/twenty20photos

Com o objetivo de levar mais de 1,2 mil pontos gratuitos de internet banda larga para cidades com pouca ou nenhuma conexão no país, o Sebrae e o Banco do Brasil (BB) acabar de se associar ao Ministério das Comunicações para integrar o Programa Wi-Fi Brasil. O acordo foi assinado na terça-feira (14).

Para Carlos Melles, presidente do Sebrae, o Wi-Fi Brasil deve causar impacto positivo em todas as cadeias produtivas dos municípios. “O programa traz esperança, desenvolvimento e crescimento embutidos no pacote da conectividade, já que, hoje, nada é mais inclusivo do que o acesso à internet”, destaca. “Estamos falando de mais independência e inovação para todos os moradores, que serão beneficiados com a agilidade que a internet oferece.”

Imagem: Reprodução/Maquina CW/Gilberto Marques

Além da inclusão digital, os mais de 1,2 mil pontos de internet instalados pelo BB e pelo Sebrae, têm como objetivo garantir inclusão global, segundo Fausto de Andrade, presidente do BB. “Os principais objetivos dessa parceria são oferecer mais acesso ao conhecimento e às tecnologias, dar novas perspectivas profissionais e quebrar as distâncias geográficas. Isso fomenta o desenvolvimento”, aponta.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Ele conta como foi a experiência de visitar as cidades que receberam os primeiros pontos de internet fruto da parceria. “O acesso à internet tem o poder de expandir as oportunidades das pessoas: pudemos experimentar a alegria da população com a chegada do Wi-Fi. Ao falar com elas, senti que essa conexão com o mundo aumenta suas expectativas e seus sonhos de vida”, conta.

Inclusão digital e social

Fábio Faria, ministro das Comunicações, lembra que levar conexão a cidades que ainda não têm o recurso é uma das prioridades do órgão, pois leva inclusão digital e social a regiões menos favorecidas. “Tínhamos mais de 48 milhões de pessoas sem internet no país e temos buscado reduzir esse contingente.”

Imagem: Reprodução/Unsplash/Markus Spiske

Segundo ele, o Wi-Fi Brasil já instalou mais de 14 mil pontos de internet para atender 10 mil escolas, 700 unidades de saúde e 400 aldeias indígenas. “Agora, com a parceria do Sebrae e do BB, vamos chegar a pelo menos mais mil municípios. Estamos avançando na democratização de um serviço essencial.”

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.