O que é o Apple Trade In?

O que é o Apple Trade In?

Por Renan da Silva Dores | Editado por Wallace Moté | 18 de Junho de 2022 às 13h00
Ivo Meneghel Jr/ Canaltech

A compra de um smartphone costuma esbarrar no desafio de revender ou mesmo descartar o dispositivo utilizado no momento. Diversas lojas e fabricantes de celulares possuem programas próprios para auxiliar os consumidores nessa etapa, oferecendo descontos ou facilitando o descarte de aparelhos muito antigos, dando suporte aos usuários no processo. A Apple é uma dessas companhias, contando com o Apple Trade In.

O que é o Apple Trade In?

O Apple Trade In é o programa pelo qual a gigante oferece descontos na compra de um novo iPhone, iPad, Apple Watch ou outro aparelho da marca com a troca de um dispositivo antigo. Usuários que preferirem apenas realizar a troca, sem se comprometer a adquirir outro modelo no mesmo instante, têm ainda a opção de receber um Gift Card da Apple Store para futuras aquisições — mas sem o desconto adicional proporcionado pela troca imediata.

Os valores estimados de desconto variam conforme o modelo de celular, e podem ser menores de acordo com a avaliação feita pelos especialistas da Apple. Entre os aparelhos da marca elegíveis para o Trade In estão os seguintes modelos, com a previsão de desconto máximo oferecido:

iPhone

Dispositivo Preço estimado de desconto
iPhone 12 Pro Max Até US$ 650 (~R$ 3.330)
iPhone 12 Pro Até US$ 550 (~R$ 2.815)
iPhone 12 Até US$ 420 (~R$ 2.150)
iPhone 12 mini Até US$ 320 (~R$ 1.640)
iPhone SE (2ª geração) Até US$ 150 (~R$ 770)
iPhone 11 Pro Max Até US$ 420 (~R$ 2.150)
iPhone 11 Pro Até US$ 350 (~R$ 1.790)
iPhone 11 Até US$ 300 (~R$ 1.540)
iPhone XS Max Até US$ 250 (~R$ 1.280)
iPhone XS Até US$ 200 (~R$ 1.025)
iPhone XR Até US$ 200 (~R$ 1.025)
iPhone X Até US$ 170 (~R$ 870)
iPhone 8 Plus Até US$ 160 (~R$ 820)
iPhone 8 Até US$ 100 (~R$ 510)
iPhone 7 Plus Até US$ 90 (~R$ 460)
iPhone 7 Até US$ 50 (~R$ 260)
iPhone 6s Plus Até US$ 50 (~R$ 260)
iPhone 6s Até US$ 30 (~R$ 155)

iPad

Dispositivo Preço estimado de desconto
iPad Pro Até US$ 655 (~R$ 3.350)
iPad Air Até US$ 290 (~R$ 1.490)
iPad Até US$ 190 (~R$ 980)
iPad mini Até US$ 200 (~R$ 1.025)

Mac

Dispositivo Preço estimado de desconto
MacBook Pro Até US$ 1.000 (~R$ 5.120)
MacBook Air Até US$ 400 (~R$ 2.050)
MacBook Até US$ 220 (~R$ 1.125)
iMac Pro Até US$ 1.500 (~R$ 7.675)
iMac Até US$ 850 (~R$ 4.350)
Mac Pro Até US$ 2.000 (~R$ 10.235)
Mac mini Até US$ 450 (~R$ 2.300)

Apple Watch

Dispositivo Preço estimado de desconto
Apple Watch Series 6 Até US$ 150 (~R$ 770)
Apple Watch SE Até US$ 120 (~R$ 615)
Apple Watch Series 5 Até US$ 120 (~R$ 615)
Apple Watch Series 4 Até US$ 85 (~R$ 435)
Apple Watch Series 3 Até US$ 50 (~R$ 260)

A Apple também aceita dispositivos Android, mas restritos a celulares Google e Samsung, listados a seguir com os preços estimados de desconto:

Dispositivo Preço estimado de desconto
Samsung Galaxy S21 Plus Até US$ 290 (~R$ 1.490)
Samsung Galaxy S21 Até US$ 250 (~R$ 1.280)
Samsung Galaxy S20 Plus Até US$ 180 (~R$ 920)
Samsung Galaxy S20 Até US$ 160 (~R$ 820)
Samsung Galaxy S10 Plus Até US$ 100 (~R$ 510)
Samsung Galaxy S10 Até US$ 90 (~R$ 460)
Samsung Galaxy S10e Até US$ 85 (~R$ 435)
Samsung Galaxy S9 Plus Até US$ 60 (~R$ 310)
Samsung Galaxy S9 Até US$ 50 (~R$ 260)
Samsung Galaxy S8 Plus Até US$ 40 (~R$ 205)
Samsung Galaxy S8 Até US$ 25 (~R$ 130)
Samsung Galaxy Note 20 Ultra Até US$ 310 (~R$ 1.590)
Samsung Galaxy Note 20 Até US$ 210 (~R$ 1.075)
Samsung Galaxy Note 10 Até US$ 140 (~R$ 720)
Samsung Galaxy Note 9 Até US$ 90 (~R$ 460)
Samsung Galaxy Note 8 Até US$ 60 (~R$ 310)
Google Pixel 5 Até US$ 130 (~R$ 665)
Google Pixel 4 XL Até US$ 100 (~R$ 510)
Google Pixel 4 Até US$ 80 (~R$ 410)
Google Pixel 4a Até US$ 80 (~R$ 410)
Google Pixel 3 XL Até US$ 50 (~R$ 260)
Google Pixel 3 Até US$ 30 (~R$ 155)
Google Pixel 3a XL Até US$ 35 (~R$ 180)
Google Pixel 3a Até US$ 35 (~R$ 180)

Outros dispositivos Apple não listados como elegíveis, incluindo Apple TV ou iPhones mais antigos, serão encaminhados para reciclagem. O processo pode ser realizado em uma loja física, ou com o envio do aparelho através de kit disponibilizado pela própria empresa.

O Apple Trade In funciona no Brasil?

A Apple não possui o Trade In nem qualquer serviço de troca de iPhone ou outro dispositivo da marca por descontos no Brasil. No entanto, se sua preocupação maior é proporcionar um descarte mais consciente do aparelho, a divisão brasileira da companhia oferece um programa de reciclagem, com estruturação similar ao Trade In, mas sem o desconto em novas compras.

Segundo a página dedicada no site da Apple Brasil, o procedimento é relativamente simples: as recomendações são de fazer o backup dos dados do dispositivo no iCloud, realizar a limpeza completa das informações e, em seguida, entrar em contato com o reciclador oficial da companhia no país através do endereço de e-mail registrado no portal. Como resposta, o local correto para descarte mais próximo do seu endereço será sinalizado.

A Apple Brasil não oferece o programa de Trade In, mas conta com a iniciativa de reciclagem dos dispositivos antigos (Imagem: Reprodução/Apple)

Dito isso, a iPlace, varejista especializada na marca que faz parte do programa Apple Reseller Premium, possui um programa próprio de troca similar ao Trade In, chamado pela loja de Buyback iPlace. A iniciativa possui duas modalidades, começando pela física, em que os clientes devem levar o iPhone, Android ou Apple Watch a uma unidade iPlace autorizada, onde o aparelho será avaliado e o desconto concedido para compra de outro dispositivo.

Além de qualquer modelo de iPhone entre o iPhone 6s e o iPhone 13 Pro Max, bem como Apple Watch das séries 3, 4, 5 e SE, são aceitos smartphones Android da ASUS (Zenfone 6, Zenfone 3, Zenfone Max Plus M2 e outros), LG (LG G8s ThinQ, LG K51s, LG K61 e mais), Motorola (Edge Plus, Moto G8 Plus, Moto Z Play), Samsung (Galaxy S20 Ultra, S10 Lite, A51) e Xiaomi (Mi Note 10, Mi 9 Lite, Mi A3 e Mi 9T). A lista completa de modelos está no site da varejista.

Parte do programa oficial de revendedores Apple Reseller Premium no Brasil, a iPlace oferece o Buyback iPlace, que funciona de maneira similar ao Trade In e possui modalidade virtual (Imagem: Reprodução/iPlace)

Há ainda o Buyback Online, em que são aceitos apenas iPhones, e há um número maior de passos e medidas de segurança adicionais. No site da iPlace, os interessados devem inserir o CEP, informar o número de série do aparelho, responder a 6 perguntas relacionadas ao estado de conservação, aceitar os termos e então pagar a garantia — o valor é estornado após o recebimento e análise pela loja.

O cupom é liberado e, após a compra, o envio do celular usado deve ser feito, com a resposta da avaliação final enviada em 1 dia útil após o recebimento do iPhone.

Fonte: Apple (1, 2), iPlace (1, 2, 3)

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.