Brasileiro joga mais no smartphone e ainda está na geração passada de consoles

Por Wagner Wakka | 10 de Maio de 2018 às 15h54
Savenkomasha/Depositphotos

A Pesquisa Game Brasil (PGB) foi divulgada nesta quinta-feira (10) com dados sobre o mercado de games no país. Os dados de 2018 mostram que o mercado brasileiro de games ainda é dominado pelas plataformas mobile, com 84% dos entrevistados. A predileção é seguida por consoles (46%) e computador (45%). Os dados não somam 100%, pois é possível que um entrevistado jogue em mais de uma plataforma.

As plataformas mobile despontam também como as preferidas do público, sendo que 43,6% elege a plataforma como melhor para jogar. A lista é seguida por consoles (25,7%), PC (14,5%), notebooks (10,5%), tablets (2,8%), smart TVs (1,5%) e, por fim, console portátil (1,2%).

Um dos fatores de sucesso das plataformas mobile é a facilidade de acesso aos jogos. Grande parte dos entrevistados (63,3%) afirma que joga “enquanto espera”. Em casa, 62% dizem jogar no smartphone, enquanto 37,5% joga no console e 21,5% no computador.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

“Sobre isso, a pesquisa indica que 70% dos brasileiros baixam apenas jogos gratuitos nos seus aparelhos, enquanto 9,5% pagam por um jogo, às vezes, e 2,4% costumam pagar por jogos. Quem apenas baixa jogos gratuitos defende que sempre existem outras opções gratuitas para esses jogos pagos, que os valores dos jogos pagos são caros, ou que eles correm o risco de não gostar do jogo. Já os que compram jogos afirmam que vale a pena experimentar, que alguns jogos pagos não têm substitutos gratuitos ou que os valores são ‘baratos’”, aponta a pesquisa.

A predominância do usuário brasileiro é por aparelhos da Samsung, com 51% do mercado, seguida por Motorola (26,7%) e Apple (16,6%). Apenas 1,3% dos respondentes disseram que usam o seu aparelho apenas para jogar.

Consoles preferidos

O levantamento mostra também que o Brasil ainda está na geração passada de consoles. O documento revela que o Xbox 360 permanece como o mais popular no Brasil ainda em 2018. Contudo, o número caiu de 44,2% para 32% na resposta dos jogadores.

O segundo console mais utilizado também é da geração passada. O Playstation 3 está com 25,6% e o PlayStation 2 tem 23,4%. Já, na atual geração, o Playstation 4 encabeça a lista em 22% dos lares, contra 14,6% do Xbox One, 4,8% Xbox One X e 4,3% do PlayStation 4 Pro.

Dados demográficos

Em relação ao mercado de e-sports, o documento diz que 75% dos brasileiros dizem praticar esportes eletrônicos. Por outro lado, a pesquisa mostra também que o termo “gamer” ainda é um tabu entre a comunidade, sendo que apenas 26,4% se consideram gamers.

Em termos demográficos, o público dos games está na faixa entre 25 a 34 anos, representando 35,2%, seguido pela faixa de 35 a 54 (32,7%). As mulheres também são maioria entre as pessoas que jogam, representando 58,9% do público. Este é o terceiro ano consecutivo que a pesquisa revela maioria feminina no cenário.

“Mais uma vez chamamos atenção para as mulheres como praticantes de jogos. As mulheres representam a maioria da população brasileira, e isso também se reflete ao falarmos de jogos”, afirma Lucas Pestalozzi, presidente da Blend New Research.

A pesquisa teve a participação de 2.853 pessoas entrevistadas em 26 estados e no Distrito Federal, entre os meses de fevereiro e março de 2018.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.