Sony anuncia fone WH-1000XM5 com novo visual e melhor cancelamento de ruído

Sony anuncia fone WH-1000XM5 com novo visual e melhor cancelamento de ruído

Por Lupa Charleaux | Editado por Wallace Moté | 12 de Maio de 2022 às 15h36
Divulgação/Sony

Após diversos vazamentos, a Sony oficializou o novo fone de ouvido sem fio WH-1000XM5. Apontado como o “melhor headset com cancelamento de ruído”, o acessório chega ao mercado com um novo design e aprimoramentos técnicos em relação ao WH-1000XM4 da geração anterior.

Esteticamente, o Sony WH-1000XM5 apresenta uma grande mudança visual em relação aos antecessores, reformulando a aparência vista há anos no headphone mais completo da marca. O modelo tem o design mais elegante com o controle deslizante para o arco da cabeça sem entalhes e melhor equilíbrio do peso.

Em relação ao acabamento, o acessório usa um novo tipo de material sintético que imita couro para o arco do fone de ouvido. Embora aparente ser mais fino, o material é mais macio e confortável do que o anterior, segundo a Sony.

O Sony WH-1000XM5 mantém os controles por gestos ou ao tocar nos botões físicos na concha direita do headset. Além disso, o usuário pode alternar rapidamente entre os modos de Cancelamento de Ruído Ativo (ANC) e Ambiente ao pressionar o botão dedicado.

Fone Sony WH-1000XM5 apresenta visual mais simples que os antecessores (Imagem: Divulgação/Sony)

Mudanças internas

Apesar das grandes conchas, o Sony WH-1000XM5 adota novos drivers de 30 mm no lugar dos componentes de 40 mm do “antigo” WH-1000XM4. Segundo a marca, a alteração visa “melhorar a clareza do som, a reprodução de graves e dar mais precisão para agudos”.

O modelo também traz mudanças no sistema ANC ao combinar o chip HD Noise Cancelling Processor QN1 com o Integrated Processor V1. Com oito microfones para cancelamento de ruído, a adição amplia o isolamento de ruídos de média e alta frequência, como barulho de trânsito das grandes cidades e vozes humanas.

Outra melhoria ligada ao ANC é o novo ajuste automático conforme o ambiente. Assim, o fone de ouvido aumenta a base do isolamento quando o usuário sair de um escritório silencioso e começar a caminhar em uma rua mais movimentada.

O Sony WH-1000XM5 usa 8 microfones para o isolamento dos ruídos externos (Imagem: Divulgação/Sony)

O Sony WH-1000XM5 conta com quatro microfones aprimorados para chamadas que atuam com algoritmos de redução de ruído. Isso permite que o usuário do outro da linha consiga distinguir a voz da pessoa do ambiente ao redor.

Com o Bluetooth 5.2, os fones de ouvido têm conexão multiponto que facilita o emparelhamento com dois dispositivos. Bem como, é possível alternar automaticamente entre os aparelhos sem a necessidade de mexer em menus.

Para mais, o modelo terá todos os recursos exclusivos da Sony, como LDAC, DSEE Extreme e 360 Reality Audio. Outra ferramenta interessante é o “Speak-to-Chat”, que pausa a música automaticamente quando o usuário estiver conversando com alguém.

O Sony WH-1000XM5 tem quatro microfones dedicados para chamadas (Imagem: Divulgação/Sony)

Bateria para 30 horas com ANC

No quesito autonomia, o Sony WH-1000XM5 traz poucas diferenças em relação ao WH-1000XM4 lançado em 2020. Segundo a marca, o novo headset oferece até 30 horas de reprodução com o uso do ANC.

No entanto, o modelo atual ganhou um suporte para carregamento rápido em que três minutos de carga garantem até três horas de audição, segundo a marca. Para uma comparação, a geração anterior fornecia cinco horas de reprodução com 10 minutos de carga.

Preço e disponibilidade

O Sony WH-1000XM5 será lançado com duas opções de cores: preto e prata. Nos EUA, o headset Bluetooth chegará às lojas no dia 20 de maio com o preço sugerido de 399 dólares (cerca de R$ 2.049 na atual conversão direta, sem adição de impostos). Ainda não há previsão de lançamento no Brasil.

Fonte: Sony, The Verge, ARS Technica

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.