SpaceX lança foguete Falcon Heavy nesta terça [update]

Por Patrícia Gnipper | 06 de Fevereiro de 2018 às 15h08
Tudo sobre

SpaceX

Esta notícia foi escrita antes e atualizada logo após o lançamento*

Hoje (6), a SpaceX fará o lançamento do Falcon Heavy, o foguete mais poderoso já construído pelo homem. A ocasião ficará marcada na história como o dia em que a exploração espacial tomou um novo rumo, já que o Heavy permite o envio de cargas extremamente pesadas para o espaço, além de servir para transportar astronautas – e tudo com um custo inferior ao do Space Launch System, foguete para lá de potente que ainda está em construção pela NASA.

E Elon Musk, CEO da companhia, afirmou que a empresa já fez tudo o que podia ser feito para o lançamento, restando apenas algumas horas para que isso aconteça. O lançamento do "monstro" equivalente a um prédio de 23 andares será feito em Cabo Canaveral às 16h30 (no horário de Brasília).

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Se tudo acontecer conforme o planejado, o Falcon Heavy alçará voo transportando nada menos do que um Tesla Roadster vermelho para a órbita de Marte, abrigando um traje espacial da SpaceX no banco do motorista. Musk declarou que "normalmente, me sinto super estressado no dia anterior ao lançamento, mas desta vez não", confiante de que o lançamento será um sucesso.

Falcon Heavy prontinho para o lançamento (Reprodução: Business Insider)

Contudo, o bilionário mantém os pés no chão, sabendo que essa é uma missão de testes, não esperando a perfeição. "Fizemos tudo o que podemos fazer para maximizar as chances de sucesso, e eu acho que depois de ter feito tudo o que você pode pensar, se algo ainda der errado, bem, não há muito mais o que possa ser feito", disse.

O poderoso foguete está carregado com centenas de milhares de galões de querosene e oxigênio e, caso algo dê muito errado e uma explosão ocorra, se todo o combustível explodisse de uma só vez, essa explosão seria equivalente a um décimo da força de uma das bombas nucleares que os Estados Unidos soltaram no Japão em 1945. Dá para ter noção do estrago que seria feito, e ninguém quer que isso aconteça.

E qual a é a primeira missão do Falcon Heavy?

Como mencionamos acima, a primeira missão do Heavy é testar o foguete e todos os seus equipamentos para garantir que ele está mesmo pronto para ser usado em missões futuras. Nos últimos dois meses, a SpaceX testou diversas vezes todos os sistemas do foguete, e esses testes incluíram preenchê-lo com RP-1 refrigerado por criogenia – um tipo de querosene usado em jatos e oxigênio líquido para queimar o combustível.

Os 27 motores também foram testados exaustivamente, até que a empresa recebesse a autorização da Administração Federal de Aviação dos EUA para transportar o veículo da Tesla no voo inaugural do Falcon Heavy. A licença do órgão revela uma "órbita hiperbólica", em que o carro será transportado para a órbita de Marte e volta para o Sol em um loop digno de roteiros de ficção científica.

Em seu estágio mais alto, o Heavy passará pelos intensos campos de radiação em torno do cinto magnético de Van Allen, e esse trajeto durará cerca de seis horas. Mas Musk está confiante de que o foguete pode sobreviver a essa etapa, saindo ileso. Com essa etapa bem-sucedida, a SpaceX espera que o Falcon Heavy seja usado por outros clientes (como a própria NASA), até porque um único lançamento deste foguete custa cerca de US$ 90 milhões – valor equivalente a um terço do custo de outras empresas.

E por falar na NASA, a agência espacial dos EUA está se preparando para lançar novas missões ao espaço, incluindo a Lua e Marte, nos próximos anos. E com o seu novo foguete ainda em construção, previsto para ser finalizado em 2020, o sucesso do lançamento do Falcon Heavy é determinante para o sucesso dessas próximas missões da NASA, que deverá contar com a SpaceX no fornecimento de foguetes e cápsulas espaciais, especialmente por conta de orçamentos limitados para construir tudo por conta própria.

*ATUALIZAÇÃO: A SpaceX acaba de publicar em seu Twitter o anúncio de um adiamento do lançamento para as 17h20 (horário de Brasília), por conta das condições climáticas do momento, com ventos muito fortes.

Mas no site oficial com o webcast da SpaceX já vemos a informação de que o lançamento acontecerá às 18h45 no horário de Brasília.

O lançamento será transmitido ao vivo pelo canal da SpaceX no YouTube, e você pode ficar ligadinho no vídeo abaixo assim que a transmissão começar:

Mas quem preferir acompanhar a façanha de Musk com comentários em português, pode assistir à transmissão pelo canal do Mensageiro Sideral:

*ATUALIZAÇÃO II: o Canaltech acompanhou o lançamento ao vivo via streaming e o voo do Falcon Heavy foi um sucesso! Se você perdeu o lançamento na hora H mas deseja vê-lo agora, é só dar o play em um dos vídeos acima para acompanhar o grande momento.

Fonte: Business Insider

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.