Sonda BepiColombo sobrevoa Vênus e tira nova foto do planeta; confira!

Sonda BepiColombo sobrevoa Vênus e tira nova foto do planeta; confira!

Por Danielle Cassita | Editado por Patrícia Gnipper | 10 de Agosto de 2021 às 17h00
ESA/BepiColombo/MTM

A missão BepiColombo, realizada em parceria da Agência Espacial Europeia (ESA) com a agência espacial japonesa (JAXA), foi lançada em 2018 com destino a Mercúrio. A sonda deverá chegar à órbita do planeta só em 2025, mas, para isso, precisará sobrevoar Vênus algumas vezes para conseguir a assistência gravitacional do planeta. O sobrevoo mais recente aconteceu durante a manhã desta terça-feira (10), rendendo uma nova foto do nosso vizinho de Sistema Solar.

A breve visita realizada para a assistência gravitacional rendeu um registro de Vênus, feito às 10h57 (horário de Brasília) pela câmera Mercury Transfer Module’s Monitoring Camera 3. A foto foi feita quando a sonda estava a 1.573 km de distância do planeta, um pouco depois do momento de maior proximidade, em que sobrevoou Vênus a apenas 552 km de distância de sua superfície.

Confira a nova foto de Vênus:

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

As câmeras da BepiColombo fazem fotos em preto e branco, e a que você vê acima recebeu um leve processamento para aprimorar o contraste entre as cores. Se você observar o lado superior esquerdo da imagem, encontrará a antena de alto ganho do orbitador europeu Mercury Planetary Orbiter junto de parte da estrutura da nave, que aparece em frente a Vênus.

Essa manobra foi a segunda realizada em Vênus e a terceira de um total de nove sobrevoos, necessários para a BepiColombo perder velocidade orbital e, assim, chegar à órbita de Mercúrio. É aqui que a assistência gravitacional entra: ao sobrevoar um planeta, a sonda aproveita o “puxão gravitacional” exercido para ganhar ou perder velocidade sem precisar gastar combustível para isso.

A missão BepiColombo é formada pelo Mercury Planetary Orbiter, da ESA, e o Mercury Magnetospheric Orbiter, da JAXA. A estimativa é que a sonda chegue à órbita-alvo em torno de Mercúrio em 2025, para estudar e entender a composição, geofísica, atmosfera, magnetosfera e histórico deste planeta que é o menor e ainda o menos estudado do Sistema Solar interno.

Fonte: ESA

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.