Rússia pretende enviar mais dois turistas espaciais à ISS a partir de 2023

Rússia pretende enviar mais dois turistas espaciais à ISS a partir de 2023

Por Wyllian Torres | Editado por Patrícia Gnipper | 25 de Agosto de 2021 às 09h50
Roscosmos

No ano passado, a agência espacial russa Roscosmos firmou um contrato com a startup Space Adventures para levar dois turistas à Estação Espacial Internacional (ISS) em 2023. Agora, a Roscosmos revela que mais outros dois turistas espaciais poderão ir à ISS a bordo da espaçonave Soyuz após este voo.

Conforme explicou o vice-diretor geral da Roscomos, Sergey Saveliev, a agência já tem os seus clientes comerciais e devem ser anunciados ainda este ano. Além disso, Savaliev antecipou que os turistas não são russos e que seus nomes serão anunciados durante o Congresso Internacional de Astronáutica (IAC, na sigla em inglês), em Dubai, previsto para outubro.

(Imagem: Reprodução/NASA)

Em um futuro próximo, segundo o vice-diretor, será assinado um acordo com os dois turistas, mas, como os assentos da espaçonave russa já estão ocupados, eles só poderão ir ao espaço a partir de 2023 — ano em que a Roscosmos pretende realizar uma caminhada espacial na ISS com outros dois turistas.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Ainda não se sabe se este voo também será realizado em acordo com a Space Adventures ou com alguma outra startup. De todo modo, mais detalhes devem ser divulgados após o congresso de outubro, quando os nomes dos turistas também virão à tona. Desde 2001, a Rússia já enviou sete civis para a ISS.

Fonte: Space Daily

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.