#MayThe4thBeWithYou: 56 curiosidades sobre a hexalogia Star Wars

Por Caio Carvalho | 05 de Maio de 2014 às 10h57
photo_camera Divulgação

Para muitos, o último domingo (4) foi um dia comum na calendário. Mas para uma legião de milhões de fãs espalhados por todos os continentes do planeta, o 4 de maio é um marco na história do cinema e da cultura. Isso porque é celebrado o Star Wars Day, data criada pelos adoradores da saga de George Lucas para lembrar o legado da série no cinema, livros, jogos e quadrinhos.

O dia foi escolhido a partir de um trocadilho da expressão "May the Force be with you" ("Que a força esteja com você"), que em inglês soa muito parecido com "May the Fouth" ("Quatro de Maio"). A primeira celebração organizada do Star Wars Day aconteceu em 2011, no Canadá, mas outras cidades em todo o mundo já aderiram às comemorações, incluindo municípios aqui no Brasil.

Há ainda uma outra data mundialmente conhecida como o Dia do Orgulho Nerd, celebrada em 25 de maio, que também lembra a importância da franquia na cultura global. Foi nesse dia que chegava às salas de cinema "Star Wars Episódio IV: Uma Nova Esperança", exibido pela primeira vez em 1977. A diferença entre uma data e outra é que o dia 4 de maio é único da série Guerra nas Estrelas, enquanto no dia 25 ela divide os créditos com o Dia da Toalha, uma homenagem ao escritor Douglas Adams e ao livro Guia do Mochileiro das Galáxias.

Seja no dia 4 ou 25 de maio, separamos algumas curiosidades do elenco e da produção da hexalogia Star Wars. Claro, foram muitos os acontecimentos ao longo dos últimos 37 anos. Por isso, se você conhece algum fato curioso sobre a série, não se esqueça de deixá-lo na seção de comentários logo abaixo. E que a força esteja com você, ou melhor, #MayThe4thBeWithYou.

1. Darth Vader foi o primeiro personagem do universo Star Wars criado por George Lucas. Foram necessários três atores para dar vida ao vilão nas trilogia original: David Prowse (corpo) - que já havia feito uma ponta no clássico "Laranja Mecânica", de Stanley Kubrick -, Sebastian Shaw (rosto) e James Earl Jones (voz). As falas do personagem seriam originalmente ditas por Orson Welles, mas Lucas desistiu da dublagem por achar que a voz do ator seria reconhecida.

2. David Prowse foi escolhido para interpretar Darth principalmente pelo físico - o ator era campeão de halterofilismo. Ele tem 2 metros e pesava 118 kg na época das filmagens.

3. Prowse só soube que sua voz seria substituída pela voz de Jones dias antes da estreia do filme nos cinemas. Os dois nunca chegaram a se conhecer durante as filmagens.

4. A armadura do vilão é trabalho do designer Ralph McQuarrie, que faleceu em 2012. Já o som da respiração de Darth foi criado por Ben Burtt, que utilizou um regulador de mergulho para dar o efeito ofegante na voz do personagem.

Star Wars

5. Luke Skywalker foi um dos personagens que mais sofreu transformações ao longo de toda a produção. Primeiramente, ele seria uma mulher, depois um anão e por fim um general de 60 anos. Seu nome original ainda era Luke Starkiller e só foi alterado para Skywalker quando as filmagens começaram.

6. A lista de atores cotados para viver Han Solo era grande. Astros como Kurt Russell, Nick Nolte, Christopher Walken, Jack Nicholson, Al Pacino, Chevy Chase, Steve Martin, Bill Murray e Perry King recusaram o convite de George Lucas antes de finalmente Harrison Ford aceitá-lo.

7. O mesmo problema de elenco aconteceu na escolha da atriz que que viveria a Princesa Leia. Antes de Carrie Fisher, foram consideradas as atrizes Farrah Fawcett, Glenn Close, Barbara Hershey, Dianne Wiest, Jessica Lange, Sigourney Weaver e Anjelica Huston para encarnar a heroína.

8. Han Solo foi inicialmente concebido como um monstro verde com brânquias no lugar do nariz, mas George Lucas mudou de ideia e se inspirou no diretor e amigo Francis Ford Coppola para criar o personagem.

9. David Lynch e David Cronenberg recusaram dirigir "O Retorno de Jedi" e partiram para temas bem diferentes da ficção científica de Guerra nas Estrelas. Lynch até chegou a criar o próprio filme sci-fi chamado "Duna" (1984), baseado no romance de Frank Herbet, mas boa parte de suas produções têm o drama como foco principal. Já Cronenberg é conhecido pela direção de thrillers que misturam suspense e terror, como "A Mosca" e "Videodrome".

10. Os figurinos de alguns personagens da franquia são inspirados em outras produções. O visual dos Stormtroopers vem das armaduras dos guerreiros teutônicos de "Alexander Nevski" (1939), do diretor Sergei Eisenstein. Já a aparência do C-3PO é baseado no androide feminino Maria do filme "Metrópolis" (1927), de Fritz Lang. O caçador de recompensa Boba Fett também é outro ícone da série e foi desenhado originalmente por Joe Johnston, diretor de "Capitão América: O Primeiro Vingador", que, na época, trabalhava com efeitos especiais.

11. Para criar expressões e palavras que marcaram a série, George Lucas também buscou inspiração em outros idiomas. Por exemplo, a palavra "Jedi" vem de "jidaigeki", que em japonês significa "drama de época", algo como uma história ambientada no tempo dos samurais. "Yoda" é derivado de "Yodeah", que significa "guerreiro" na língua indiana sânscrito, e "Vader", de Darth Vader, é "pai" em holandês.

12. A série como um todo é até hoje uma das franquias mais lucrativas da história cinematográfica. Estima-se que os seis filmes de Star Wars arrecadaram aproximadamente US$ 4,41 bilhões de dólares - isso sem contar todos os brinquedos, desenhos animados, jogos eletrônicos, histórias em quadrinhos e produtos derivados. Os seis filmes também receberam 25 nomeações ao Oscar e venceram onze, seis deles apenas por "Uma Nova Esperança".

13. Ao contrário do que muita gente imagina, a saudação Jedi não é a expressão mais falada em Star Wars e sim a frase "I have a bad feeling about this" (Tenho um mau pressentimento sobre isso"), que é dita pelo menos uma vez em todos os filmes. O "bordão" aparece inclusive em outros projetos que envolvem George Lucas, como o último filme de Indiana Jones e os jogos da LucasArts.

14. Além da frase "I have a bad feeling about this", o número 1138 aparece em todos os filmes da franquia. A numeração é uma referência ao protagonista do primeiro filme dirigido por George Lucas, chamado "THX-1138". No primeiro Star Wars, a sequência é vista no bloco de celas onde Leia está presa, assim como em capacetes e Droids de combate.

15. Alec Guinness, falecido no ano 2000, disse que odiou ter filmado Star Wars porque considerava suas falas ridículas e sem acréscimo algum para a série como um todo. Foi Guinness inclusive quem sugeriu a George Lucas a morte do personagem Obi-Wan Kenobi, morto pelo vilão Darth Vader no episódio IV.

16. Alguns objetos presentes ao longo da hexalogia Star Wars são coisas comuns no dia a dia das pessoas. Em "A Ameaça Fantasma", o comunicador usado pelo personagem Qui-Gon Jinn (Liam Neeson) é, na verdade, uma embalagem estilizada de uma marca de depiladores femininos que custava apenas US$ 30.

Star Wars

17. Duas semanas antes da estreia de Guerra nas Estrelas, Mark Hamill sofreu um grave acidente de carro que desfigurou seu rosto. Ele conseguiu se recuperar, mas as cicatrizes ainda eram visíveis quando começaram as filmagens de "O Império Contra-Ataca". Foi aí que George Lucas pensou em como justificar as mudanças no rosto do personagem e incluiu uma cena no episódio V em que Luke é atacado por um monstro Wampa no planeta Hoth.

18. Para dar vida a Anakin Skywalker, foram feitos testes com vários atores, entre eles estavam Paul Walker, Ryan Phillippe, Colin Hanks e Leonardo DiCaprio. Além de longo, o processo de escolha foi trabalhoso: foram selecionados 442 candidatos, cada um entrevistado individualmente. Depois, uma nova seleção elegeu apenas 25 atores para só então George Lucas escolher apenas 4, que se reuniram para um último teste com a atriz Natalie Portman.

19. Durante uma reunião do Senado Galáctico em uma cena de "A Ameaça Fantasma", é possível notar várias espécies de alienígenas espalhadas pelas bancadas do local. Em uma delas estão três seres iguais ao personagem E.T., filme dirigido por Steven Spielberg. O diretor é muito amigo de Lucas e ambos costumam fazer referências dos filmes um do outro. Em "Indiana Jones e o Templo da Perdição", logo na cena de abertura, o nome do bar em Hong Kon é chamado "Club Obi-Wan".

20. Mace Windu, vivido pelo ator Samuel L. Jackson, é o único Jedi nos filmes a ter um sabre de luz roxo.

Star Wars

21. Por falar nos sabres de luz, cada um tem um significado específico e é designado para uma função diferente. Os da cor azul caracterizam os Jedi Guardiões, que lutam contra as forças do mal e o lado sombrio, enquanto os da cor verde pertencem aos Jedi Consular, que buscam trazer equilíbrio ao universo. Já os vermelhos e pretos se referem ao Lado Negro, e os roxos e amarelos para identificar os Jedi Sentinela, que revelam trapaças e injustiças trazendo-as para a luz. Há ainda os sabres brancos (aparecem nos quadrinhos de Star Wars) que, assim como os roxos, buscam equilíbrio entre disciplinas mentais e físicas.

22. Em "A Ameaça Fantasma", a atriz Keira Knightley e a diretora Sofia Coppola fazem uma ponta como Saché e Sabé, respectivamente, duas acompanhantes da rainha Padmé Amidala (Natalie Portman).

23. Ewan McGregor (Obi-Wan Kenobi) e Hayden Christensen (Anakin Skywalker) precisaram ser avisados inúmeras vezes pela equipe de filmagem da segunda trilogia para não tentarem imitar o barulho dos sabres de luz durante as gravações. Além disso, McGregor é sobrinho de Denis Lawson, que interpretou o piloto Wedge Antilles, o único sobrevivente das três grandes batalhas da trilogia original.

24. Darth Vader é considerado o terceiro vilão mais terrível do cinema, segundo o ranking do American Film Institute. Em primeiro lugar está Norman Bates, de "Psicose" (1960) e Hannibal Lecter, de "O Silêncio dos Inocentes" (1991).

25. Outro dado do American Film Institute é que a expressão "Que a força esteja com você" é a 8ª mais famosa da história do cinema. A frase no topo do ranking ainda é "Francamente, querida, eu não ligo a mínima", de "E o Vento Levou" (1939).

26. Em "A Vingança dos Sith", as erupções vulcânicas que aparecem em Mustafar são imagens reais captadas do Monte Etna, na Itália.

27. Durante a luta de Obi-Wan com Darth Vader em "Uma Nova Esperança", é possível notar por alguns instantes que a luz do sabre de Obi-Wan fica apagada - provavelmente por um erro na hora da edição -, relevando a aparência metálica da espada.

28. Depois dos créditos finais de "A Ameaça Fantasma", é possível ouvir o som ofegante da respiração de Darth Vader.

29. O som emitido por Chewbacca é a combinação de vários outros sons emitidos por animais como urso, camelo, leão e morsa.

30. Também é uma combinação de vários sons o barulho dos movimentos dos sabres de luz. São sons de TVs de tubo antigas e os ruídos do motor de um projetor de filme.

31. O alienígena Jabba, o Hutt, era controlado por 10 fantoches.

32. Natalie Portman, que viveu a Rainha Amidala, tinha apenas 18 anos na época em que "A Ameaça Fantasma" chegou aos cinemas. A atriz deixou de ir à première do filme porque precisava estudar para os exames finais do ensino médio.

33. A primeira ideia de George Lucas para o personagem Yoda era que ele fosse interpretado por um macaco de máscara carregando um bastão.

34. As filmagens de alguns títulos da franquia passaram por dificuldades que poderiam ter comprometido o resultado final da série. Durante "Guerra nas Estrelas", em Tozeur, na Tunísia, uma tempestade de areia impediu que a equipe gravasse novas cenas por dois dias. Curiosamente, o mesmo problema aconteceu anos depois nas gravações de "A Ameaça Fantasma".

35. Aliás, mesmo antes das filmagens, Lucas teve seu projeto negado por diversos estúdios, como a Universal e a United Artists, que não acreditavam no sucesso comercial da marca Star Wars.

36. Maio não é conhecido como o mês de Star Wars apenas pelo dia 4. Também é característico porque todos os filmes da série nos Estados Unidos foram lançados em maio, sempre poucos dias depois do aniversário de George Lucas, no dia 14 do mesmo mês.

37. A palavra "Ewok" nunca foi dita na trilogia original, assim como os integrantes da tribo nunca são chamados por seus nomes. Ben Burtt, designer de som da série, se baseou em línguas tibetanas e nepalesas para desenvolver o idioma falado pelos Ewoks.

38. O visual peludo do personagem Chewbacca veio do cachorro de George Lucas chamado Indiana, que mais tarde serviu de inspiração para nomear o famoso arqueólogo Indiana Jones.

39. Durante o desenvolvimento de "O Retorno de Jedi", George Lucas cogitou fazer um final diferente para o filme. Após a morte de Darth Vader, Luke colocaria o capacete do vilão e diria "Agora eu sou Vader", se juntando assim ao Lado Negro.

40. Outro final alternativo seria um em que Han Solo morre e Luke se perde na escuridão, mas Lucas desconsiderou a opção porque poderia reduzir as vendas de brinquedos licenciados da marca.

41. Vários membros da equipe de "2001: Uma Odisseia no Espaço" (1968), do diretor Stanley Kubrick, trabalharam na produção de Guerra nas Estrelas. Kubrick é um dos diretores favoritos de George Lucas.

42. A produção de "A Ameaça Fantasma" teve que gastar US$ 150 mil adicionais porque todas as portas dos cenários precisaram ser refeitas. O motivo? Liam Neeson (Qui-Gon Jinn) e seus 1,93 de altura. Acontece que o ator era muito mais alto que os ambientes, obrigando a equipe a reconstruir os cenários.

43. Darth Maul seria originalmente interpretado por Benicio Del Toro em "A Ameaça Fantasma", mas recusou o papel ao saber que quase todas as suas falas foram canceladas - em todo o filme, o personagem só fala três vezes. Em seu lugar entrou o ator Ray Park.

44. Na cena dos asteroides em "O Império Contra-Ataca", a equipe de produção utilizou materiais bem inusitados nas filmagens. Um dos asteroides é na verdade um sapato, enquanto outro é uma batata com casca colocados em um fundo azul.

45. Frank Oz, que fez a voz do Yoda, também é o dublador da Miss Piggy de Os Muppets.

46. As filmagens de "Guerra nas Estrelas" foram tão trabalhosas que o diretor George Lucas, na época com 33 anos, foi diagnosticado com hipertensão e princípio de infarto logo após o término nas gravações. Nos episódios V e VI, Lucas atuou como roteirista e deixou a direção com outros cineastas. Ele só voltou a dirigir a partir da segunda trilogia, nos episódios I, II e III.

47. A famosa corrida de pods de "A Ameaça Fantasma" foi inspirada nos acidentes da Nascar, uma competição de carros nos Estados Unidos, após a equipe de efeitos especiais analisar os incidentes.

48. R2-D2 ganhou esse nome porque George Lucas gostou da som da pronúncia. A abreviação significa "Reel 2, Dialog 2" (Rolo 2 do Segundo Diálogo) e chamou atenção do diretor durante a pós-produção do filme "Loucura de Verão" (1973). Já os ruídos eletrônicos que o robô diz são sons emitidos por bebês - os barulhos foram manipulados digitalmente.

49. A pedido da filha de George Lucas, os integrantes da banda pop N'Sync chegaram a gravar cenas de uma batalha com cavaleiros Jedis em "Ataque dos Clones". Os cantores seriam apenas figurantes, mas as imagens foram removidas do filme original depois que fãs da saga Star Wars protestaram contra a aparição do grupo no longa.

50. Anthony Daniels (C-3PO) e Kenny Baker (R2-D2) são os únicos atores que participaram de todos os seis filmes da saga. O personagem Obi-Wan Kenobi também aparece em toda a hexalogia, mas é interpretado por dois atores diferentes (Alec Guinness e Ewan McGregor).

51. A última cena de "A Vingança dos Sith" foi a primeira a ser filmada.

52. A cápsula da nave Discovery, de "2001 - Uma Odisséia no Espaço", aparece no ferro-velho de naves espaciais onde Anakin Skywalker trabalha como escravo no planeta Tatooine, em "A Ameaça Fantasma". Na mesma cena, enquanto Qui-Gon Jinn e Watto conversam, também é possível notar ao fundo o robô do filme "O Exterminador do Futuro".

53. A lendária nave de Han Solo, a Millennium Falcon, teve o design inspirado em um sanduíche com hambúrguer e uma azeitona pregada em cima do palito que George Lucas comia enquanto escrevia o roteiro de "Guerra nas Estrelas".

54. Carrie Fisher (Princesa Leia) não usou sutiã em nenhum filme da trilogia original porque, segundo George Lucas, "não existe roupa íntima no espaço". Para compensar, a atriz foi enrolada em fita isolante durante as gravações para evitar que seus seios fossem vistos através do traje.

55. O exército humano que serve ao imperador na trilogia original foram inspirados no uniforme do exército nazista.

56. Harrison Ford implorou a George Lucas que o personagem Han Solo fosse morto depois do primeiro filme, mas o diretor não concordou e prometeu transformá-lo em herói até o episódio VI.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.