Siga o @canaltech no instagram

Sony sinaliza chegada do PlayStation 5 para depois de abril de 2020

Por Rafael Arbulu | 26 de Abril de 2019 às 11h59
Tudo sobre

Sony

Saiba tudo sobre Sony

Ver mais

O PlayStation 5 não deve aparecer em lugar nenhum antes de abril de 2020, segundo informa a própria Sony em uma conferência feita com seus investidores. Os detalhes foram publicados pelo The Wall Street Journal, via Twitter, por meio de seu repórter de tecnologia Takashi Mochizuki.

Os tuítes, em japonês, refletem que a empresa não deve mostrar nada do sucessor do PlayStation 4 neste ano: “a probabilidade de que a próxima geração do PlayStation esteja disponível antes de abril de 2020 é de 0%”.

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

A Sony revelou, no início do mês, durante uma entrevista à Wired, alguns detalhes do seu próximo console: Mark Cerny, o chefe da arquitetura do PS5, disse que ele incluirá um processador de oito núcleos baseado na linha Ryzen de terceira geração da AMD Zenn de 7nm e uma GPU personalizada com base na Radeon Navi da AMD, que trará gráficos em estilo raytracing para um console de jogos pela primeira vez. O resultado final de todas essas melhorias de hardware: o PS5 suportará gráficos 8K, isso, claro, se você tiver uma TV para isso.

Outros detalhes interessantes incluem a substituição do disco rígido comum por uma unidade de estado sólido (SSD), que deve reduzir tempos de loading consideravelmente (Cerny disse que testes realizados com o jogo Marvel’s Spider-Man foram satisfatórios: 15 segundos no PlayStation 4; 0,8 segundo no novo console), retrocompatibilidade com jogos do PS4 e suporte de fábrica ao PSVR.

Sucessor do PlayStation 4 só deve aparecer depois de abril de 2020, segundo a Sony

Vale lembrar: a Sony, pela primeira vez na história, não estará presente na Electronic Entertainment Expo (E3) deste ano. O maior evento da indústria de jogos tem enfrentado uma evasão de alguns grandes nomes do setor, que têm preferido organizar eventos próprios de lançamento ou simplesmente não apresentar nada, concentrando-se em desenvolvimentos.

Paralelo à Sony, as concorrentes Microsoft e Nintendo também estão se armando para a corrida pela liderança de mercado: enquanto a “Big N”, segundo rumores, prepara novas versões do Switch (uma mais enxuta e outra ainda mais poderosa), a Microsoft mostrou recentemente o Xbox One S All Digital, uma edição nova do seu console, totalmente digital e sem entrada para discos. A Sony, no entanto, é a única das três, até agora, que vem falando explicitamente em “novo console”.

Fonte: Engadget

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.