Volkswagen decreta: não vai mais desenvolver novos motores a combustão

Volkswagen decreta: não vai mais desenvolver novos motores a combustão

Por Felipe Ribeiro | Editado por Jones Oliveira | 14 de Maio de 2021 às 15h08
Felipe Ribeiro/ Canaltech

Com o objetivo de tornar seu portfólio formado apenas por carros elétricos, a Volkswagen anunciou que não vai mais desenvolver motores a combustão, sejam eles movidos à gasolina ou diesel. Na prática, com essa decisão, a empresa vai apenas aperfeiçoar os propulsores já em atividade no mercado, redirecionando seus recursos para a criação de motores 100% eletrificados.

A informação foi dada pelo CEO da Volkswagen, Ralf Brandstätter, em entrevista ao portal alemão Automobilwoche. Ele ainda revelou os planos da montadora para sua linha de veículos: até 2030, ao menos na Europa, todos os carros produzidos pela montadora sejam elétricos.

Por mais que a decisão não seja surpreendente, ela ainda carece de mais detalhes. Países em desenvolvimento e que são grandes redutos da Volkswagen, como Índia e, claro, o Brasil, ainda não possuem forte investimento em infraestrutura para receber este tipo de veículo em massa. Portanto, há a possibilidade óbvia de que a Volkswagen siga desenvolvendo motores nesses mercados.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

O SUV Taos será o próximo lançamento da Volkswagen no Brasil (Imagem: Volkswagen)

Mesmo com as dificuldades, a Volkswagen tem planos interessantes para veículos eletrificados no Brasil. A ideia da marca é lançar seis modelos até 2023, entre eles o novo Golf GTE, uma evolução do que já avaliamos aqui para o Canaltech. O 100% elétrico ID.3 também está em pauta.

Fonte: Click Petróleo e Gás

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.