Publicidade

VinFast VF 3 | "Jipinho" elétrico de R$ 60 mil pode vir ao Brasil

Por| Editado por Jones Oliveira | 16 de Janeiro de 2024 às 14h10

Link copiado!

Divulgação/VinFast
Divulgação/VinFast

A VinFast é uma montadora de carros que pode até não ser muito conhecida no Brasil, mas, assim que os planos de expansão da marca, que incluem a chegada ao mercado verde-amarelo, forem colocados em prática, tem tudo para estar “na boca do povo”.

Fundada em 2017, a fabricante integra o conglomerado VinGroup, maior empresa privada do Vietnã, e foi apontada recentemente como a terceira maior montadora de veículos do mundo em valor de mercado.

Pronta para chegar ao Brasil, inclusive com o anúncio de vagas para profissionais no LinkedIn, a VinFast tem uma arma secreta para, assim como fizeram as chinesas BYD e GWM, “conquistar o coração do brasileiro”: um carro elétrico com preço de popular.

Continua após a publicidade

Qual será o carro popular da VinFast?

O modelo que poderá chegar por aqui em breve para balançar, ainda mais, as estruturas do mercado de carros elétricos, é o VinFast VF 3.

O jipinho compacto 100% elétrico já foi confirmado em mercados importantes, como o dos Estados Unidos, e tem no preço baixo, ou popular, como se diz no Brasil, a grande cartada para alavancar as vendas.

O Canaltech está no WhasApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

Em sua terra natal, o VinFast VF 3 custa 3 milhões de dongues vietnamitas, valor que equivale a pouco mais de R$ 60 mil na conversão direta, sem incisão de impostos de importação ou demais taxas.

Como é o VinFast VF3?

O VinFast VF 3 é bastante compacto, e apresenta 3,14 metros de comprimento, 1,67 m de largura e 1,60 m de altura, além de um entre-eixos bem curto, como o do Suzuki Jimny — o tradicional 2 + 2,

Continua após a publicidade

Por conta de seu preço popular, o modelo não conta com um pacote de acessórios tão refinado quanto os carros chineses que chegaram ao Brasil e estão virando o mercado do avesso.

As configurações do jipinho elétrico incluem, porém, uma central multimídia de 10 polegadas com Android Auto e Apple CarPlay e um painel de instrumentos digital, além de bancos traseiros rebatidos para tornar a capacidade do porta-malas um pouco maior (550 litros).

Em termos de autonomia e desempenho, apesar de não haver confirmação oficial, comenta-se que o jipinho elétrico terá alcance de 285 quilômetros por carga (no ciclo chinês) e velocidade máxima limitada a 100 km/h.

Continua após a publicidade

Números modestos, mas que por R$ 60 mil certamente o tornariam uma opção interessante, não acham?