Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Honda e GM encerram parceria que prometia carro elétrico popular

Por| Editado por Jones Oliveira | 27 de Outubro de 2023 às 15h08

Link copiado!

Divulgação/Steve Fecht, General Motors
Divulgação/Steve Fecht, General Motors

O ousado plano traçado por Honda e General Motors para transformar o mercado automotivo e dominar o segmento com a criação de um carro elétrico acessível e popular durou pouco mais de um ano.

Nesta semana, em comunicado conjunto enviado para a Agência Reuters, GM e Honda informaram que a parceria anunciada em abril de 2022 foi desfeita, e que o investimento de US$ 5 bilhões prometido por ambas para o desenvolvimento de carros elétricos baratos está descartado.

“Após extensos estudos e análises, chegamos a uma decisão mútua de descontinuar o programa. Cada empresa continua comprometida com a acessibilidade no mercado de veículos elétricos”, resumiram as marcas.

Continua após a publicidade


O fim precoce da parceria entre Honda e GM fará com que apenas dois modelos (Honda Prologue e Acura ZDX) permaneçam como representantes do projeto que durou pouco mais de um ano, e previa o lançamento de carros elétricos populares nos Estados Unidos, China e, talvez, no Brasil.

Greves influenciaram GM

A Reuters apurou que um outro fator foi determinante para a GM decidir pelo encerramento da parceria com a Honda: as greves declaradas pelo United Auto Workers, Sindicato dos Trabalhadores da categoria nos Estados Unidos, que têm causado prejuízos semanais de US$ 200 milhões à montadora.

Continua após a publicidade

Vale lembrar que, no Brasil, os funcionários da GM também declararam greve, pois não concordaram com a demissão em massa anunciada pela montadora em algumas plantas do país, principalmente na de São Caetano do Sul, na região do ABC paulista.

Fonte: Reuters