Exclusivo: Jaguar Land Rover revela planos para o Brasil

Exclusivo: Jaguar Land Rover revela planos para o Brasil

Por Felipe Ribeiro | Editado por Jones Oliveira | 14 de Maio de 2022 às 08h30
Divulgação/ Jaguar Land Rover

A Jaguar Land Rover é uma das montadoras premium com maior aceitação no Brasil. Seus carros são objeto de desejo de muitas pessoas que buscam conforto, luxo, esportividade e, claro, tecnologia. Mas esse sucesso não é à toa: a marca sabe tratar bem o consumidor brasileiro.

Em conversa exclusiva com o Canaltech, François Dossa, diretor executivo, estratégia e sustentabilidade, tratou de colocar os pingos nos is com relação aos planos da montadora britânica para o Brasil — e eles são os melhores possíveis: muito investimento, lançamentos, carros elétricos e atenção especial com os clientes locais.

Brasil na rota dos lançamentos globais

Uma das preocupações de quem é cliente de marcas premium no país é estar alinhado com o que chega na Europa e em outros mercados. Segundo Dossa, esse ponto é fundamental para a Jaguar Land Rover, que olha para o Brasil como um mercado importante não apenas na América do Sul, mas também em âmbito global.

"Quando nosso cliente viaja ele olha os carros nos países e se pergunta se esse produto poderá ser comprado por ele no Brasil. Se não fizermos isso, não podemos ser considerados uma marca global. O Brasil está na lista dos países mais importantes para nós", disse Dossa.

François Dossa reafirma compromisso da Jaguar Land Rover com os clientes brasileiros (Imagem: Divulgação/Jaguar Land Rover)

Na prática, a montadora britânica justifica as falas de Dossa. Todos os produtos anunciados pela marca, tanto em Jaguar quanto em Land Rover, estão à venda no Brasil e passam pelo que o executivo chama de "Localização". Todos os carros são pensados para serem vendidos aqui considerando as peculiaridades da praça.

"Não adianta colocarmos aquecedor de bancos e volantes em carros vendidos no Brasil. Temos um público muito interessado em nossos carros e para isso temos que localizar os produtos e nossa fábrica é o grande trunfo para que isso seja feito", explicou Dossa.

Fábrica da montadora britânica no Rio de Janeiro passará por melhorias em breve (Imagem: Divulgação/Jaguar Land Rover)

A fábrica em questão é a planta da Jaguar Land Rover em Itatiaia/RJ, de onde saem modelos como o Land Rover Discovery Sport, o carro mais vendido da marca por aqui. Segundo Dossa, a ideia é que mais modelos sejam feitos por aqui, incluindo os elétricos.

Eletrificação total no Brasil

Mesmo com algumas empresas apostando em carros híbridos movidos a etanol, a companhia segue a linha de que compensa sim eletrificar completamente os carros vendidos no Brasil. Segundo a empresa, a Jaguar, por exemplo, será 100% elétrica em dois anos, e a Land Rover deve seguir pelo mesmo caminho antes de 2030.

"Entendemos que algumas empresas optem por apostar no etanol, mas o Brasil tem uma matriz energética limpa e consideramos que o ideal é mesmo trazer os carros 100% elétricos para cá", comentou Dossa, ressaltando que a ideia é de também fabricá-los aqui.

Novos carros da Jaguar Land Rover vão chegar ao Brasil ao mesmo tempo em que outros países (Imagem: Divulgação/Jaguar Land Rover)

Para isso, a empresa deve aumentar seus investimentos na fábrica de Itatiaia e realizar algumas adaptações para reduzir a emissão de gases poluentes, meta importante da marca para o futuro não apenas com os carros. Essa estratégia é chamada internamente de "Reimagine".

"A iniciativa Reimagine se encaixa no que chamamos de Modern Luxure (Luxo Moderno), onde menos é mais. É possível levar carros extremamente luxuosos e tecnológicos, mas com design e propostas simples e fáceis", disse Dossa. Esse projeto está ligado diretamente ao que a Jaguar Land Rover apresentou em São Paulo no mês de abril, no que ela chamou de hub de inovação aberta.

Land Rover Defender foi o lançamento mais recente da marca no país (Imagem: Divulgação/ Jaguar Land Rover)

Esse projeto vai contar com colaborações de startups, scaleups e organizações externas em seis pilares estratégicos identificados como prioridades nas áreas de eletrificação, conectividade, serviços digitais, empresa inteligente, manufatura, cadeia de suprimentos e sustentabilidade.

"O primeiro carro 100% elétrico da Land Rover será lançado em 2024 e a Jaguar, em dois anos, será uma marca 100% elétrica, isso tudo além de diversas mudanças que faremos em nossos escritórios e fábricas, sempre buscando reduzir os níveis de emissão de CO²", disse o executivo.

Serviços a caminho

Parte dessas iniciativas da Jaguar Land Rover tem a ver com serviços, como de Car Sharing e assinaturas de veículos. Segundo Dossa, esses planos estão em desenvolvimento e serão lançados em breve, já com modelos recém-lançados da marca, como o Land Rover Defender e o próprio Discovery.

"Alguns clientes da atual geração não querem mais ter o carro, mas gostariam de usufruir do que ele tem a oferecer. Nós devemos lançar algum serviço de aluguel muito em breve aqui no Brasil.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.