Caoa Chery demite funcionários, pausa produção e tira carro de linha no Brasil

Caoa Chery demite funcionários, pausa produção e tira carro de linha no Brasil

Por Paulo Amaral | Editado por Jones Oliveira | 07 de Maio de 2022 às 08h00
Felipe Ribeiro/ Canaltech

A Caoa Chery surpreendeu o mercado automotivo nesta sexta-feira (6), mas não com o lançamento de um novo carro, e sim com notícias não muito agradáveis. A montadora sino-brasileira anunciou que demitirá boa parte do quadro de funcionários da planta de Jacareí, no interior de São Paulo.

Segundo o Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e região, a Caoa Chery teria informado que fecharia definitivamente as instalações e demitiria os 480 funcionários que hoje trabalham no local.

Ao que tudo indica, a fábrica ficará fechada por um longo período, mas não de forma definitiva. A ideia é adaptar as instalações para a produção de futuros carros com tecnologias híbridas e elétricas, e retomar as atividades em 2025.

“A suspensão das atividades tem como objetivo ajustar os processos produtivos da planta para novos modelos com tecnologias híbridas e elétricas, visando a modernização e atualização das linhas de produção”, resumiu a Caoa Chery.

Tiggo 3x não será mais produzido pela Caoa Chery (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)

Diante do fechamento temporário das instalações em Jacareí, a produção dos SUVs Tiggo 5X, Tiggo 7 Pro e Tiggo 8 será transferida para a fábrica de Anápolis, em Goiânia, mesmo local em que também são fabricados alguns modelos da Hyundai.

Adeus, Tiggo 3x

Na mesma reunião com a diretoria do sindicato da região, os executivos da Caoa confirmaram que o Tiggo 3x, carro que chegou ao mercado brasileiro em 2021, não será mais produzido e sairá de linha.

Além do SUV compacto, a Caoa Chery também não produzirá mais os sedans Arrizo 6 e Arrizo 6 Pro no Brasil. Os dois continuarão no lineup da montadora, mas precisarão ser importados da China aos clientes interessados.

Com informações: Sindicato dos Metalurgicos de São José dos Campos e G1

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.