Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

BMW i4 M50 | 3 motivos para comprar e 2 para deixar na loja

Por| Editado por Jones Oliveira | 12 de Maio de 2024 às 09h45

Link copiado!

Paulo Amaral/Canaltech
Paulo Amaral/Canaltech
Tudo sobre BMW

Primeiro carro elétrico produzido pela divisão “M” (Motorsport) da BMW, o i4 M50 mostrou que é muito mais do que um “simples sedan” zero emissor de poluentes.

O BMW i4 M50 é um elétrico que até mesmo os mais puristas vão amar. São muitos os pontos positivos que podem ser destacados, mas, para resumir a história, o Canaltech listou 3 motivos que podem te fazer comprar o sedan.

Mas, como nem tudo é perfeito na vida, também levantamos dois pontinhos que, dependendo do cliente, podem se tornar motivos para deixar o excelente modelo alemão paradinho na loja.

Continua após a publicidade

Confira a seguir em nossa lista o que há de melhor e o que pode atrapalhar o BMW i4 M50 de ir para a sua garagem.

3 motivos para comprar o BMW i4 M50

Vamos começar pelo lado bom do BMW i4 M50. Listamos 3 fortes razões para o cliente que está no mercado em busca de um carro premium escolher o sedan elétrico alemão para ser seu novo carro.

3. Desempenho e dirigibilidade

O ponto alto, ou melhor, os pontos altos do BMW i4 M50 estão relacionados ao desempenho e à dirigibilidade. Portanto, nada mais justo do que colocar o tópico como primeiro (primeiros, no caso) motivo para comprar o sedan.

O BMW i4 M50 conta com dois motores elétricos, montados um em cada eixo. Juntos, eles entregam ao condutor 544 cv de potência e 81 kgf/m de torque (34 cv e 14,7 kgf/m a mais que o M3 Competition). Tamanha potência não atrapalha a dirigibilidade, que já que a suspensão adaptativa, as rodas de 19 polegadas e os demais ajustes tornam esse “monstro” um carro grudado no chão e muito seguro de dirigir, independentemente da situação.

Continua após a publicidade

2. Alma (e aparência) de esportivo

O segundo entre os 3 motivos para levar o BMW i4 M50 para a garagem é a “alma” de esportivo. Como dissemos no item anterior, ele pode até não ser um “M” raiz, mas não deixa nada a dever para os integrantes da família com motores a combustão. Inclusive no design.

O sedan elétrico é um misto de Série 4 Gran Coupé, com porte de Série 3 e desempenho de M3 Competition. Não à toa, acelera de 0 a 100 km/h em 3,9 segundos e chega aos 225 km/h de velocidade. Não dá nem para sentir saudades dos motores a gasolina, prometo.

Continua após a publicidade

1. Tecnologia de ponta

O último dos motivos que separamos que, em nossa visão, pode ser decisivo para quem está pensando em comprar o BMW i4 M50 é o pacote tecnológico disponível no sedan elétrico da marca alemã.

Os recursos oferecidos pelo BMW Operating System 8 são os mais variados possíveis, e permitem controlar praticamente todas as funções do carro nas duas telas curvas — .o painel de controle e a central multimídia.

Continua após a publicidade

Entre os muitos recursos disponíveis valem ser destacados o assistente de voz, o consumo de energia (bateria) em tempo real, os modos de condução e muito mais. Tudo em poucos toques na tela e com imagens em alta definição.

2 motivos para deixar o BMW i4 M50 na loja

Agora que falamos dos pontos positivos, vamos citar, de passagem, dois motivos que, para alguns clientes, podem ser suficientes para deixar o BMW i4 M50 na loja.

2. Ronco simulado

Continua após a publicidade

Pode parecer estranho citar o ronco simulado como um dos motivos para deixar o BMW i4 M50 na loja e não levá-lo para a garagem, mas, apesar de antagônico, o ponto que levantamos aqui vai fazer sentido, pode acreditar.

Embora eu, particularmente, tenha achado o máximo o barulho simulado criado por Hanz Zimmer, que já levou estatuetas do Oscar e do Grammy por suas trilhas sonoras, os gearheads mais exigentes certamente sentirão falta do V8 “raiz”. E você, de que lado fica?

1. Espaço nos bancos traseiros

Continua após a publicidade

Outro ponto que pode desagradar a alguns clientes, embora eu, particularmente, ache isso difícil, é o fato de o BMW i4 M50, embora tenha quase 3 metros de entre-eixos (2,85 m), não consiga comportar adequadamente cinco ocupantes.

Isso ocorre por conta do túnel central elevado, projetado dessa forma para abrigar as baterias. Essa configuração acaba transformando um carro que teoricamente seria para cinco ocupantes em um modelo de configuração 2 + 2.

Você acha que esse motivo é suficiente para fazer um cliente desistir da compra ou os pontos positivos são bem mais relevantes? Comente conosco em nossas redes sociais.