BGS 2013: FIFA 14 e Batman Arkham Origins são os destaques da Warner

Por Caio Carvalho | 24 de Outubro de 2013 às 15h12
photo_camera Warner Bros.

Batman: Arkham Origins chega ao Brasil nesta sexta-feira (25). Mas a Warner Bros. deu mais um apertivo do que podemos esperar do novo game do Homem-Morcego. Durante sua conferência na Brasil Game Show, a empresa mostrou detalhes do novo Batman e prévias de títulos como FIFA 14 e Dying Light.

Produzido agora pela própria Warner, Arkham Origins se passa anos antes dos primeiros jogos da série que antes era desenvolvida pela Rocksteady (Arkham Asylum e Arkham City). Bruce Wayne ainda não é um super-herói habilidoso e precisa lidar com Máscara Negra, o principal vilão da nova aventura, que na véspera de Natal oferece a recompensa de 50 milhões para quem trouxer a cabeça do Morcegão.

A mecânica de combate em Origins permanece a mesma dos games anteriores. E acredite: é ótimo saber que não mudou nada. Em tempos de jogos em que os heróis são tratados como personagens fracos e sem personalidade, a sequência da franquia Arkham vem para mostrar que manter a mesma fórmula pode dar muito certo.

É claro que existem alguns aparatos para não tornar a jogabilidade tão rasa. Uma delas é uma corda com gancho que pode ser usada para diversas situações, como prendê-la na parede para andar em uma cord-bamba ou encaixá-la em um inimigo e utilizá-lo para ir de frente com o outro em uma pancada. O modo detetive também está mais refinado, e serve agora não apenas para enxergar através das paredes, mas também detectar e reconstruir cenas para ajudar o Homem-Morcego a desvendar mistérios.

Vale lembrar que Batman: Arkham Origins será lançado por aqui para Xbox 360, PS3, Wii U e PC com legendas em português e dublagem dos brasileiros que participaram dos últimos filmes do personagem.

FIFA 14

A décima quarta edição do jogo de futebol da Electronic Arts já está disponível no Brasil. Contudo, a grande novidade destacada pela Warner em sua conferência é o lançamento do título para as plataformas de nova geração Xbox One e PlayStation 4.

Gilliard Lopes, produtor brasileiro do game, disse que as versões dos novos consoles terão as mesmas características dasa versões para Xbox 360 e PlayStation 3, mas sua diferença estará nas mecânicas desenvolvidas pela EA. "Não é mais apenas um jogo, mas sim um serviço", disse. Gilliard explica que FIFA 14 será o primeiro da série a contar um sistema preciso de movimentos, além de jogadores mais inteligentes.

"Estudamos o comportamento de cada jogador para torná-lo mais inteligente com a bola dentro e fora de campo. Desenvolvemos várias novidades que vão permitir uma reação antecipada mais realista em campo", disse. Não só os times serão mais reais: Gilliard garante que a torcida e os estádios foram pensados sob o conceito de "mundo vivo", para deixá-los mais próximos da realidade.

FIFA 14 para Xbox One e PS4 tem previsão de chegar ao Brasil nas datas de lançamento de cada aparelho, respectivamente 22 e 29 de novembro. O console da Microsot, assim como o Xbox 360, vai ganhar um conteúdo exclusivo baseado no Ultimate Team, o chamado modo "Legends", que permite jogar com grandes lendas do futebol mundial. Pelé, Neymar e o baixinho Romário estão na lista de opções.

Dying Light

Dos mesmos criadores de Dead Island, Dying Light é uma nova investida da polonesa Techland. O jogo também é sobre o apocalipse zumbi e se passa em uma cidade fictícia inspirada em favelas e comunidades carentes de alguns países – no Brasil, os produtores afirmam que o Rio de Janeiro foi tomado como base para o desenvolvimento da metrópole.

O game terá um modo singleplayer, mas poderá ser jogado no modo cooperativo por até quatro pessoas. Os usuários assumem o papel de vigilantes que precisam instalar vários tipos de armadilhas para capturar e distrair os mortos-vivos. A grande sacada do título é usar o parkour como forma de atravessar os prédios sem dar de cara com os inimigos, já que armas de fogo e outros equipamentos são raros. O jogo não é um survival horror focado na ação, mas sim na sobrevivência.

Dying Light chega em 2014 para os consoles da atual e da nova geração (com exceção do Wii U), além dos PCs.

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!