WhatsApp testa função de transcrição de áudio no iPhone

WhatsApp testa função de transcrição de áudio no iPhone

Por Dácio Castelo Branco | Editado por Douglas Ciriaco | 10 de Setembro de 2021 às 19h05
Imagem: M. H./Pixabay

O site WABetainfo , especialista em destrinchar possíveis futuros recursos do WhatsApp, anunciou nesta sexta-feira (10) que uma nova ferramenta está em desenvolvimento para o mensageiro no iOS: a transcrição de mensagens de áudio.

A função, que ainda está em desenvolvimento e que só deve chegar, no futuro para a versão beta do WhatsApp do iOS, permite que o mensageiro transcreva mensagens de áudio para o usuário.

Segundo as informações publicadas pelo WABetaInfo, a mensagem não será enviada para servidores do WhatsApp ou do Facebook, mas sim processadas pela tecnologia de reconhecimento de voz da Apple, presente nos aparelhos da marca. A empresa também irá usar os áudios para aperfeiçoar a sua tecnologia, mas sem relacionar a voz com a identidade de quem gravou o recado sonoro.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Permissão especial será necessária

Ainda segundo o WABetainfo, a nova ferramenta será opcional, mas usuários que quiserem fazer uso dela terão que dar uma permissão especial para o app. A função irá ser acessada a partir de uma sessão “Transcrição” no mensageiro, onde os usuários também poderão optar por transcrever partes específicas de um áudio.

A permissão necessária para uso da nova função (Imagem: Reprodução/WABetaInfo)

Por hora, não há informações se a transcrição de áudio também estará disponível no WhatsApp para Android. No iOS, a função deve ficar disponível primeiro em uma atualização da versão beta do mensageiro.

A função não é novidade no Telegram, que pode transcrever áudios com a ajuda de bots adicionados em conversas; porém, o recurso não é algo nativo do aplicativo. No caso WhatsApp, a função poderá fazer parte do próprio programa, sem depender de outros softwares para funcionar. Vale destacar que nem tudo que está em fase de testes chega ao consumidor final, então, não há a confirmação de que a ferramenta realmente será lançada, muito menos uma data de distribuição.

Fonte: WABetaInfo

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.