Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

WhatsApp "decreta o fim das senhas" e lança passkeys no Android

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 16 de Outubro de 2023 às 17h27

Link copiado!

Amin Moshrefi/Unsplash
Amin Moshrefi/Unsplash
Tudo sobre WhatsApp

Os passkeys oficialmente chegaram no WhatsApp: o mensageiro anunciou que introduziu a forma de autenticação no aplicativo para Android. O recurso permite vincular a identificação biométrica do celular e acessar a conta sem a necessidade de usar senha ou receber os códigos numéricos de autenticação.

O aplicativo já testava a função desde o mês passado e liberou para os usuários no sistema operacional do Google — a empresa de Mountain View, inclusive, reforçou o pedido para que as pessoas ativem a opção nas respectivas contas. O anúncio oficial veio em publicação no X (antigo Twitter).

A função pode ser muito útil para acessar o WhatsApp com segurança em outro aparelho. Se você já tem o mensageiro em um celular antigo, é possível usar impressão digital, reconhecimento facial ou PIN desse dispositivo para validar o acesso à conta do mensageiro em outro lugar.

Continua após a publicidade

A medida dispensa o uso dos códigos de autenticação em dois fatores, enviados por SMS, e pode reduzir o risco de golpes para o roubo de contas no aplicativo.

Como funciona o passkey?

Também conhecido como chave de acesso, o passkey substitui a tradicional senha em texto para acessar uma conta. É possível vincular um dispositivo com alguma chave cadastrada, seja o uso da impressão digital ou reconhecimento facial, e usar esse celular ou computador para validar toda tentativa de login.

Continua após a publicidade

Há o risco de perder o aparelho com as informações originais, mas os passkeys oferecem mais camadas de proteção com relação a outros métodos, como a verificação em duas etapas — os códigos temporários ainda podem ser copiados por outra pessoa e expõem a conta. Além disso, pode ser um processo mais simples e rápido do que digitar uma senha muito longa.

Distribuição gradativa

O WhatsApp anunciou que a função já está disponível, mas não mencionou em quais países ela deve estrear. É provável que o app lance o recurso aos poucos pelas atualizações na Play Store, então algumas pessoas precisarão esperar para usar a função.

Caso o aplicativo tenha mantido a mesma estrutura dos testes na versão Beta, a opção dos passkeys deve estar disponível em uma aba própria dentro das configurações de segurança do app.