Uber melhora comunicação entre passageiro e motorista com dois novos recursos

Por Felipe Junqueira | 27 de Fevereiro de 2020 às 13h20
Unsplash
Tudo sobre

Uber

Saiba tudo sobre Uber

Ver mais

O mundo da tecnologia é feito de constantes atualizações. As empresas sabem disso e buscam melhorias constantemente, seja por análise de dados ou pelo feedback de seus usuários. A Uber anunciou recentemente dois novos recursos que devem facilitar o entendimento de passageiros e motoristas, e consequentemente, reduzir o número de viagens canceladas.

Os dois recursos têm como base a comunicação. Um diz respeito principalmente o passageiro, que terá mais informações e poderá saber exatamente quando e onde aguardar o seu motorista, especialmente em grandes eventos ou locais muito movimentados. O outro é para ajudar turistas, principalmente, ao oferecer tradução das mensagens a serem trocadas com o motorista.

Para ajudar passageiro e motorista a se encontrarem mais facilmente, a empresa criou uma série de notificações para o usuário saber onde está o seu carro. Isso inclui o tempo previsto para chegada, o local onde encontrar o motorista, para que direção se movimentar e outras instruções que ajudem a se localizar.

A outra é a tradução das mensagens trocadas entre usuário e motorista. Ambos poderão conversar no idioma que preferir, e o app vai sugerir a tradução no telefone receptor para a língua de preferência de cada um. Ou seja, um turista no Brasil não precisa saber falar português para se comunicar com a Uber, e o motorista também não vai mais obrigatoriamente precisar ler e responder no idioma estrangeiro, caso seja necessária a comunicação. Basta enviar a mensagem que o app fará a tradução.

Esses novos recursos devem ajudar passageiro e motorista a se entenderem melhor, reduzindo o número de cancelamentos causados pela demora do carro, ou pelo fato de o motorista não encontrar seu passageiro. Isso é comum especialmente em aeroportos, onde o usuário quase nunca conhece o local, e em grandes eventos, onde há multidões.

Além disso, a Uber introduziu recentemente um recurso para o usuário digitar um PIN de quatro números para evitar que um motorista pegue o passageiro errado. A empresa diz que está trabalhando em uma tecnologia que vai permitir que essa verificação seja feita de maneira automática, sem a necessidade de o usuário digitar o PIN, e que pretende liberar ainda este ano.

Fonte: The Verge

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.