Telegram agora permite lives sem limite no número de espectadores

Telegram agora permite lives sem limite no número de espectadores

Por Alveni Lisboa | Editado por Douglas Ciriaco | 01 de Setembro de 2021 às 11h24
Reprodução/Telegram

O Telegram mirou em ser um aplicativo de bate-papo, mas acertou em ser uma rede social completa. Agora, um dos maiores rivais do WhatsApp no mundo está pronto para lançar o suporte a transmissões de vídeo ao vivo na versão 8.0, disponível para iOS e Android. Os usuários poderão executar suas lives para um número ilimitado de espectadores — antes, o máximo eram mil pessoas —, terão mais opções de encaminhamento de mensagens e contarão com um atalho para alternar mais rapidamente entre canais.

Com o fim da limitação de visualizadores, o Telegram se joga em um mercado inédito para eles até então: o de vídeos ao vivo. Diferentemente de outras soluções, o app permite que até 30 usuários transmitam simultaneamente, em uma imensa rede de conteúdo interligada.

Essa adição pode fazer com que o programa ocupe o espaço de serviços voltados para videoconferências, como o Zoom e o Meet, ambos com limitações, embora dificilmente tenha o fôlego necessário para desbancar a Twitch e o YouTube.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

O suporte a canais de voz, ao estilo Clubhouse, também passa ter capacidade para "milhões" de ouvintes ao vivo, um duro golpe nos demais concorrentes, que ainda lutam para implementar o serviço. Vale lembrar que as salas de áudio só foram lançadas pelo Telegram em junho, o que demonstra uma impressionante evolução em pouco mais de dois meses.

Atalhos e aprimoramentos

Também chega na versão 8.0 uma opção para remover legendas e ocultar nomes de remetentes ao encaminhar mensagens ou mídias. Ambos são recursos importantes para preservar a privacidade das pessoas, além de dispensar a edição manual destes conteúdos.

Outra novidade é um atalho para retornar para o início de um canal ao chegar no final ou para pular a outro com mensagens não lidas. O app trouxe, ainda, ajustes na interface como um novo status ("escolhendo um sticker") e um contador de mensagens não lidas em tópicos de comentários. Os adesivos, aliás, continuam com força total no app, que receberá mais uma tonelada de figurinhas populares e animadas.

No início do ano, o Telegram divulgou ter atingido a marca de 500 milhões de usuários ativos, cerca de 25% dos 2 bilhões do WhatsApp. Na segunda-feira, outro feito notável: o app entrou para o clube dos apps com mais de 1 bilhão de downloads, o 15º programa na história a romper a barreira.

Fonte: Telegram  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.