Skype não morreu e prepara renovação estilo Zoom para seguir relevante

Skype não morreu e prepara renovação estilo Zoom para seguir relevante

Por Igor Almenara | Editado por Douglas Ciriaco | 28 de Setembro de 2021 às 09h03
Skype

Enganaram-se aqueles que acreditavam que o Skype estava morto. Nessa segunda-feira (27), a Microsoft antecipou uma série de novidades que a plataforma de comunicação da casa está para receber, mesmo que ele agora ele tenha que dividir espaço com seu irmão de ecossistema, o Teams.

“Rápido, divertido, gostoso e suave como manteiga”, essa é a descrição para o futuro do Skype. Diferente de outras vezes, as novidades da vez não chegarão de imediato, mas parecem garantir um futuro à plataforma.

Exibição em grade é uma novidade no Skype, mas é algo presente em várias outras plataformas de comunicação (Imagem: Reprodução/Microsoft)

A mudança mais evidente está na exibição de contatos em grade, na que a MS chama de “Call Stage” (“Palco da chamada”, em tradução livre). Basicamente, o recurso permite colocar todos os participantes de uma mesma chamada, com câmeras ligadas ou não, em uma mesma tela, assim como o Google Meet ou o Zoom já fazem.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Para complementar essa nova pegada, o Skype também terá uma variedade de layouts para videoconferências. O usuário poderá acompanhar a chamada da forma que preferir, seja exibindo todos os contatos ao mesmo tempo ou dando destaque àquele que está com a fala.

Temas coloridos dão uma nova cara ao mensageiro (Imagem: Reprodução/Microsoft)

Em temas, é o catálogo diverso de cores que tem maior importância. De botões às caixas de seleção, a cor escolhida dá uma nova vida ao mensageiro.

Novas funções

Outra das novidades que logo chegarão ao Skype é um tradutor universal. O recurso transcreve falas da reunião automaticamente enquanto as adapta para o idioma desejado.

Transcrição automática ajuda a eliminar a barreira linguística em uma videochamada internacional (Imagem: Reprodução/Microsoft)

O “TwinCam” também é uma novidade interessante. Em uma videochamada, uma pessoa pode transmitir mais de uma câmera simultaneamente e mostrar vários ângulos de um mesmo momento.

Novas reações também fazem parte do pacote e, com eles, usuários poderão se expressar com emojis direto nas chamadas com colegas. Além disso, um catálogo inédito de sons de notificação darão uma boa incrementada na camada de customização do mensageiro.

Melhor performance

Além das várias mudanças visuais, o Skype também deve ser retrabalhado internamente para se tornar mais leve. A equipe da plataforma comenta que o foco em desempenho já foi capaz de apresentar melhorias no app mobile e para desktop.

O aplicativo para celular apresenta melhorias de desempenho de até 2.000% em casos específicos, afirma a Microsoft (Imagem: Reprodução/Microsoft)

Aprimoramentos também podem ser esperados para a versão web, cujo objetivo da Microsoft é dar suporte para todos os navegadores. “Gostaríamos de ter certeza de que não importa qual dispositivo, plataforma ou navegador você esteja usando, o Skype sempre proporcionará uma ótima experiência”, registra a equipe do Skype.

Sofrendo no esquecimento

Algo em que o Skype ainda peca, porém, é na sua presença no próprio ecossistema. Sabe-se que a plataforma não será abandonada pela Microsoft — ao menos por enquanto —, contudo o programa sofre com a disputa de território com o Microsoft Teams, outra solução da empresa que, no Windows 11, será bem mais integrada ao SO.

Skype agora divide espaço com o Microsoft Teams, mas como essa convivência vai acontecer? (Imagem: Reprodução/Microsoft)

Onde o Skype vai se encaixar no meio de isso tudo ainda é um mistério, mas as futuras adições não o colocam em posição de destaque. Dos recursos apresentados ontem, nenhum deles é realmente revolucionário, então pode não ser o suficiente o mensageiro a sair do esquecimento.

Várias das mudanças anunciadas hoje ainda estão em construção, portanto devem alcançar o público geral somente nos próximos meses. Será que as novidades serão suficientes para reinserir o Skype na disputa entre plataformas?

Fonte: Skype

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.