Microsoft Edge vai exibir o quanto abas suspensas economizam recursos de um PC

Microsoft Edge vai exibir o quanto abas suspensas economizam recursos de um PC

Por Igor Almenara | Editado por Douglas Ciriaco | 26 de Julho de 2021 às 08h44
Divulgação/Microsoft Edge Insider

Quando você fica muito tempo sem acessar uma aba no Microsoft Edge, automaticamente ela é colocada em um modo de suspensão. Essa solução é uma alternativa para economizar recursos do computador, algo especialmente útil para quem acumula muitas guias abertas ao mesmo tempo.

Agora, o programa vai apontar exatamente quantos recursos foram economizados em cada aba adormecida. Na versão de testes Canary do Edge, cada guia colocada em suspensão exibirá a porcentagem de economia em comparação a guias ativas. A etiqueta foi adicionada logo abaixo da pré-visualização da página, encontrada ao posicionar o mouse sobre ela na barra superior

 Cada guia suspensa mostrará a porcentagem de recursos economizados neste modo (Imagem: Reprodução/Leopeva64-2)

Nesse modo, as páginas não precisam ser recarregadas se forem selecionadas novamente. Segundo a Microsoft, essa ferramenta costuma economizar 26% da memória RAM e usa 29% menos do processador (resultados que também têm impacto positivo na autonomia de bateria, que varia de acordo com o dispositivo). É um recurso bem comum em navegadores construídos sobre o Chromium, o motor de código aberto do Chrome.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Web apps com mais cara de aplicativos

Seguindo com o investimento na experiência com web apps, o Edge passará a dar mais identidade para eles. Quando esses aplicativos lançarem alguma notificação para o computador, ela não será mais identificada com logo e nome do Edge, mas sim com as etiquetas do programa em si.

Notificações levarão o ícone e nome do web app em questão, para dar maior identidade aos aplicativos na área de trabalho (Imagem: Reprodução/Leopeva64-2)

Embora ainda rodem no Edge, isso aprimorará os aplicativos no aspecto visual. O comportamento de web apps costuma se parecer bastante com programas convencionais, com recursos avançados e integração mais íntima com o computador. Nada mais justo, então, do que identificá-los com o próprio ícone e nome quando aparecem no sistema operacional de alguma forma, não é?

Não se sabe quando esses recursos chegarão para todo mundo, mas ambos estão na compilação de número 94 do Edge Canary. A versão atual que está nas mãos do público geral é a 92, então há ao menos uma atualização até que as novidades apareçam.

Até lá, as adições devem passar por modificações, ajustes e até reformulações. Há a chance, também, de as ferramentas não saírem da fase de testes tão cedo. Se você não é usuário da versão de testes, resta esperar pelos próximos updates.

Fonte: Reddit

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.