Chrome 88 é lançado em Beta com captura de tela em janelas anônimas

Por Ramon de Souza | 07 de Dezembro de 2020 às 22h40

Não faz nem um mês desde que o Google lançou o Chrome 87 repleto de melhorias, mas o Gigante das Buscas já está trabalhando na próxima compilação do seu navegador. O Chrome 88 acaba de ser disponibilizado em versão Beta e traz uma série de novidades bem interessantes — por mais que algumas delas ainda estejam “escondidas” e não possam ser bem aproveitadas pelo usuário final.

A principal novidade é a possibilidade de — finalmente — registrar capturas de tela (screenshots) no Modo Incógnito, ou seja, as famigeradas janelas anônimas. Durante muito tempo, a versão mobile do browser não permitia tal ato (afinal, você poderia acabar registrando, sem querer, algumas imagens… inapropriadas), mas uma nova flag nas configurações dá indícios de que isso será possível.

O Chrome também está trabalhando em uma série de tutoriais em vídeo que ajudarão internautas novatos a operar o software. Por enquanto, os clipes disponíveis são: “São como usar o Chrome”, “Como baixar conteúdo para ver depois”, “Como pesquisar com o Chrome”, “Como pesquisar usando sua voz” e “Como usar o Modo Incógnito”. Não ficou muito claro se os vídeos serão apresentados apenas na primeira vez que o app for aberto.

Imagem: Reprodução/AndroidPolice

Já os programadores ficarão felizes em conhecer a Digital Goods API, uma nova biblioteca de códigos que permite a integração com o sistema de cobrança do Google Play Store para microtransações em web apps. Dessa forma, caso o desenvolvedor tenha um aplicativo web pronto e queira portá-lo para a loja de aplicativos do Android, ele finalmente poderá monetizá-lo com compras in-app processadas pelo gateway do Gigante das Buscas.

O Chrome 88 Beta conta ainda com pequenas melhorias em sua interface, incluindo um botão localizado no canto superior direito da tela que facilita a sua vida na hora de pesquisar uma aba aberta — algo útil para quem trabalha com muitas guias ao mesmo tempo. O arquivo APK do navegador já pode ser encontrado na web, mas não há previsão para que uma versão estável seja disponibilizada ao público final.

Fonte: AndroidPolice

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.