Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

ChatGPT ganha "memória" para oferecer conteúdo personalizado

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 13 de Fevereiro de 2024 às 17h38

Link copiado!

Mojahid Mottakin/Unsplash
Mojahid Mottakin/Unsplash

A OpenAI começou a experimentar o recurso de memória no ChatGPT para gravar informações importantes sobre o usuário. Assim, o chatbot pode oferecer conteúdos personalizados, sem ter que repetir detalhes dos pedidos incessantemente. 

É para te conhecer melhor

Segundo a empresa nesta terça-feira (13), a memória armazena somente o que é solicitado por quem usa o app — ou seja, a plataforma de inteligência artificial (IA) promete não sair gravando tudo o que é dito a ela.

Continua após a publicidade

Por exemplo, eu posso contar ao chatbot que eu sou um executivo e pedir para o algoritmo guardar esse detalhe. Em seguida, o ChatGPT vai utilizar essa característica para preparar conteúdos com tom corporativo.

Da mesma forma, dá para apontar que gosto de textos mais resumidos, com intertítulos e listas para simplificar a leitura. Assim, sempre que for solicitar um texto, não precisa explicar o formato do conteúdo.

Outras informações podem ser utilizadas: em uma demonstração, a OpenAI memorizou detalhes pessoais, como ter uma filha de dois anos e que gosta de viajar, para que os textos e imagens reflitam a personalidade das pessoas.

Controle total

Continua após a publicidade

A plataforma oferece controles adicionais para as memórias, a começar pela possibilidade de desligá-la por completo nas configurações. As definições ainda entregam uma lista de informações armazenadas que podem ser excluídas quando você bem desejar.

Também dá para criar um chat completamente livre de memórias sem ter que desativá-las. Essa alternativa é oferecida através das conversas temporárias, que duram até 30 dias e não geram registro no histórico e no treinamento do modelo.

Por outro lado, a OpenAI lembra que pode “usar o conteúdo que você fornece ao ChatGPT, incluindo memórias, para melhorar nossos modelos para todos”. Mas se você não quiser, basta desativar o recolhimento de informações no controle de dados.

Continua após a publicidade

“Como sempre, não treinaremos com conteúdo de clientes ChatGPT Team e Enterprise”, promete a companhia.

Quando chega?

A memória está disponível tanto nas contas gratuitas quanto nos perfis com planos pagos, mas o acesso ainda é restrito.

“Lançamos para uma pequena parte dos usuários do ChatGPT gratuito e Plus esta semana para saber como ele é útil”, informa a OpenAI. “Compartilharemos planos para uma implementação mais ampla em breve.”

Continua após a publicidade

A companhia revela que vai levar a memória aos GPTs e aos planos Enterprise e Team no futuro.