Slack passa a permitir ligações e videochamadas com Zoom e Microsoft Teams

Por Rubens Eishima | 01 de Abril de 2020 às 14h58
Rubens Eishima/Canaltech
Tudo sobre

Slack

Saiba tudo sobre Slack

Ver mais

Anunciada na semana passada, a integração de chamadas de aplicativos como o Zoom e Microsoft Teams começou a ser disponibilizada no serviço de bate-papo Slack.

O anúncio foi recebido com certa surpresa, já que os três aplicativos são concorrentes diretos na categoria de comunicação para equipes com foco no mercado corporativo. Apesar de o Zoom ser dedicado a videoconferências, tanto o Teams quanto o Slack oferecem o recurso nativamente. Outro serviço popular de videochamadas, o WebEx, da Cisco, já podia ser utilizado a partir do Slack.

Além do Zoom e do Teams, o Slack incluiu a integração de serviços de comunicação VoIP como o DialPad, Jabber e RingCentral. A compatibilidade com chamadas de áudio permite até fazer ligações para números de telefone direto do Slack.

No caso do Teams, o serviço da Microsoft pode ser definido como o aplicativo padrão para chamadas, com atalho direto a partir do ícone de chamadas da equipe ou contato no app. Para habilitar a integração, é preciso primeiro instalar o app do Teams no canal do Slack e depois configurar a conta da Microsoft.

Novidade é equivalente a poder abrir links do Chrome em janelas do Firefox (imagem: Slack)

A novidade chega em um período em que as três plataformas tiveram um salto de uso, com milhões de pessoas trabalhando de suas casas em decorrência da COVID-19. No caso do Zoom, a popularidade do serviço teve até cenas inusitadas, com hackers invadindo as chamadas de vídeo para mostrar pornografia.

O Slack relatou um aumento de 350% no uso do recurso de chamadas e se comprometeu a “facilitar que seus clientes usem as ferramentas que conhecem e amam dentro do Slack”, mesmo que sejam concorrentes.

Fonte: MS Power User

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.