Atualização do Microsoft Edge vai permitir economizar ainda mais recursos do PC

Atualização do Microsoft Edge vai permitir economizar ainda mais recursos do PC

Por Igor Almenara | Editado por Douglas Ciriaco | 11 de Agosto de 2021 às 18h26
Rubens Eishima/Canaltech

As guias suspensas do Microsoft Edge ficarão ainda melhores com um recurso que acabou de embarcar em um de seus canais de teste. Para que elas passem a economizar recursos do computador, o usuário poderá ajustar as configurações para que as abas adormeçam após segundos de inatividade.

Por padrão, páginas deixadas de lado no navegador são colocadas no modo de suspensão após duas horas. Nesse estado, as guias utilizam 37% menos processamento e 32% menos memória RAM, o que dá uma folguinha para o computador, especialmente se quem usa a máquina for do tipo que abre dezenas de guias ao mesmo tempo.

Pouco depois de a página terminar de carregar, ela já é colocada em modo de suspensão se for deixada de lado (Imagem: Igor Almenara/Canaltech)

Reduzir o tempo para um minuto tornará a suspensão ainda mais presente no cotidiano dos usuários e, de fato, pode melhorar o desempenho do computador no dia a dia. Essa novidade casa perfeitamente com outra adição noticiada pelo Canaltech semanas atrás, em que guias suspensas passaram a mostrar com exatidão a quantidade de recursos poupados.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

A novidade está na opção "Menos de um minuto de inatividade", já que antes o tempo mínimo era de 5 minutos (Imagem: Igor Almenara/Canaltech)

A versão Edge Canary 94.0.980.0, outra distribuição de teste do navegador, também incluiu o intervalo reduzido, então é questão de tempo até que o canal Beta tenha o recurso à sua disposição. A previsão para chegar para os usuários da edição estável, porém, ainda não existe.

Vale ficar de olho nas próximas atualizações do navegador, mas, considerando que a versão atual é a de número 92, deve faltar, pelo menos, uma atualização até que as novidades da compilação 94 alcance o grande público.

Fonte: Microsoft

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.