Windows 11 testa novo Gerenciador de Tarefas, pastas de apps no Iniciar e mais

Windows 11 testa novo Gerenciador de Tarefas, pastas de apps no Iniciar e mais

Por Igor Almenara | Editado por Douglas Ciriaco | 16 de Fevereiro de 2022 às 17h55
Alveni Lisboa/Canaltech

Mais uma atualização acaba de desembarcar no Canal Dev do Windows 11 nesta quarta-feira (16). Confirmando rumores anteriores, a Microsoft dedica mais atenção a melhorias na Barra de Tarefas, coloca pastas de atalhos no Menu Iniciar, refina o modo Foco e introduz o Gerenciador de Tarefas retrabalhado.

Pastas no Menu Iniciar

A primeira das novidades mencionadas pela Microsoft é a pasta de atalhos do Menu Iniciar. A adição permite colocar vários ícones de programas num lugar só, incrementando ainda mais as possibilidades de organização da seção e, como consequência, poupando espaços ocupados sem necessidade na grade de aplicativos.

Pastas no Menu Iniciar incrementam a organização da seção com mais possibilidades de arranjos (Imagem: Reprodução/Microsoft)

Assim como no Windows 10, pastas de aplicativos do Menu Iniciar podem ser rearranjadas em questão de cliques. Futuramente, esses conjuntos de atalhos poderão ter nomes personalizados, promete a MS.

Novo Modo Foco e “Não perturbe”

A Microsoft reimaginou o modo Foco e o “Não perturbe” do Windows 11 nesta atualização. Agora integrado ao aplicativo Relógio, fica mais fácil para o usuário criar rotinas de concentração no Windows, automatizando o silêncio de notificações com cronômetro, criar lembretes de intervalos e ouvir playlists de músicas calmas no Spotify.

O Modo Foco é ideal para ocasiões pontuais em que atenção total é necessária (Imagem: Reprodução/Microsoft)

Ainda sobre esse auxiliar de concentração, há um novo botão para ativar o “Modo Foco” direto da Central de Notificações. Assim, usuários podem ativar o recurso com facilidade e não perder tempo na hora de iniciar uma tarefa que existe 100% da atenção.

O “Não perturbe” segue a mesma ideia e, segundo a Microsoft, está “mais fácil do que nunca” manter notificações silenciadas. Neste update, a Central de Notificações recebeu um botão de ligar/desligar o “Não perturbe”.

Botão com ícone de sino ativa/desativa o "Não perturbe"(Imagem: Reprodução/Microsoft)

Novo Gerenciador de Tarefas

A aguardada renovação do Gerenciador de Tarefas enfim foi liberada para testadores do Windows 11. A nova interface do componente nativo mantém o recurso e usabilidade de sempre, mas abraça de vez o Fluent Design do SO da Microsoft, com efeitos de transparência, gráficos de desempenho mais claros e, finalmente, suporte para o modo escuro.

Finalmente o Gerenciador de Tarefas tem suporte para o modo escuro (Imagem: Reprodução/Microsoft)

Gerenciador de energia mais útil

Nas Configurações do Win 11, as opções acerca do consumo energético do computador foram melhoradas significativamente. A seção “Energia e Bateria” é mais clara quanto aos gastos recentes, nível de recarga e dá acesso fácil aos padrões de tempo de tela ociosa e suspensão do computador.

Relatórios de consumo de bateria foram melhor detalhados (Imagem: Reprodução/Microsoft)

Reforço para Snap Layouts

Além de estarem acessíveis com o clique do botão direito do mouse e com ao arrastar a janela para os cantos da tela, os Snap Layouts receberam uma barra inteira na parte de cima da tela. Ao arrastar uma janela de um programa até o topo do display, as opções de conjunto de apps aparecem, daí é só soltar o botão na opção mais interessante.

A barra do Snap Layouts aparece no topo da tela (Imagem: Reprodução/Microsoft)

Mais gestos para tablets

Como esperado, o Windows 11 experimenta novos gestos para acessar recursos básicos do sistema. Confira todos:

  • Arrastar de baixo para cima ao centro da Barra de Tarefas evoca o Menu Iniciar (fazer o gesto contrário, naturalmente, faz ele sumir);
  • Arrastar da direita para esquerda no Menu Iniciar, especificamente na seção de “Apps fixados”, puxa a lista “Todos os aplicativos”;
  • Arrastar de baixo para cima, com o dedo próximo da data e hora do sistema, puxa as Configurações Rápidas;
  • A Central de Notificações está com animações mais responsivas para gestos;

Melhorias para a Barra de Tarefas

A comunidade pediu, a Microsoft atendeu: a Barra de Tarefas voltou a dar suporte ao “arrasta e solta” de arquivos para abrir arquivos em diferentes programas. Seguindo essa mesma ideia, passa a ser possível também anexar apps do Menu Iniciar à seção arrastando-os com o mouse.

Explorador de Arquivos mais prático

Outro recurso abandonado no lançamento do Windows 11 e que enfim volta à ativa é a exibição de prévias de pastas no Explorador de Arquivos. Em determinado tamanho de interfaces, as pastas do sistema exibem miniaturas de arquivos contidos nelas, sejam capas álbuns de música, filmes ou imagens.

Prévias de arquivos aparecem na capa da pasta (Imagem: Reprodução/Microsoft)

Atualização chega gradativamente

Como de costume, a Microsoft distribui as atualizações por meio do Windows Insider. Esse pacote, porém, não chegará aos PCs com processadores ARM64, mas a Microsoft espera entregar essas novidades em breve. Se você for um testador inscrito no Canal Dev, verifique se há pacotes disponíveis para o seu computador indo em Configurações > Windows Update > “Verificar Atualizações”.

Fonte: Microsoft

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.