Windows 10 vai copiar o AirDrop da Apple

Por Redação | 10 de Novembro de 2017 às 10h09
Tudo sobre

Apple

O AirDrop da Apple é um recurso muito eficiente de compartilhamento de arquivos entre produtos da empresa, que facilita muito o dia-a-dia dos usuários iOS e macOS. Com ele, é possível transferir um arquivo entre um iPhone e um MacBook Pro de forma rápida, simples e sem a necessidade de uma rede intermediária.

A ferramenta é tão útil que tem gente querendo copiar a ideia para o seu sistema operacional. A Microsoft liberou nesta sexta-feira (10) mais uma compilação de teste do Windows 10 para usuários que fazem parte do Windows Insider, focado em testar versões beta do sistema operacional.

Uma das grandes novidades da build 17035 é que a Microsoft introduziu um recurso chamado NearShare, a sua versão para o AirDrop. O funcionamento da novidade é bastante parecido com o recurso presente nos dispositivos da Maçã, bastando selecionar um arquivo e acessar o seu menu de contexto, clicando com o botão direito do mouse ou touchpad, ou segurando o ícone do arquivo por um momento em telas touch, e clicar na opção de compartilhamento. Nela, é possível visualizar a lista de equipamentos que podem receber o arquivo via NearShare. O dispositivo que irá receber o arquivo é notificado e permite ou não a transferência.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Apesar de similar, o recurso da empresa fundada por Bill Gates tem uma diferença fundamental em relação ao AirDrop: o NearShare não usa as redes Wi-Fi, mas sim o Bluetooth para detectar outros dispositivos, obrigando que os equipamentos estejam próximos um do outro.

O NearShare deverá estar disponível para todos os usuários a partir de 2018, quando a próxima grande atualização do Windows chegar.

Fonte: PPLware

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.