Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Recurso básico do Windows mantém visual temporário há 30 anos

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 26 de Março de 2024 às 13h15

Link copiado!

Reprodução/Microsoft
Reprodução/Microsoft

O desenvolvedor David W. Plummer, responsável por criar a tela da função “Formatar disco” no Windows, revelou, através de um post na rede social X (o antigo Twitter), que a interface em uso há 30 anos era para ser uma solução temporária para o recurso. No entanto, a versão “final” do que deveria ser a janela de opções nunca foi concretizada.

Para Plummer, a sua história com o sistema da Microsoft é mais uma prova de que não existe “soluções temporárias”, especialmente na área de programação.

Tela de formatar disco no Windows

Continua após a publicidade

Segundo o post do desenvolvedor, a tela de “Formatar disco” que conhecemos foi elaborada em uma manhã chuvosa de quinta-feira no ano de 1994.

De acordo com Plummer, “estávamos portando um bilhão de linhas de código da interface de usuário do Windows 95 para o NT, e (a tela de) formatar disco era uma daquelas áreas em que o Windows NT era diferente o suficiente para que precisássemos criar uma interface de usuário personalizada”.

Nesse momento, o programador elaborou o que seria a solução temporária para a interface: “Peguei um pedaço de papel e anotei todas as opções e escolhas que você poderia fazer em relação à formatação de um disco, como sistema de arquivos, rótulo, tamanho do cluster, compactação, criptografia e assim por diante”.

A partir desse esboço, Plummer utilizou o Visual C++ e o Resource Editor para elaborar a janela com as opções de ações possíveis para formatar um disco.

“Organizei uma relação vertical simples de todas as escolhas que você tinha que fazer, na ordem aproximada que você tinha que fazer. Não era elegante, mas serviria até que a interface elegante chegasse”, contou o desenvolvedor na rede social.

Porém, essa interface final nunca veio e, após 30 anos, a tela de formatação continua a mesma no sistema Windows.

Plummer finaliza a história com um alerta, em tom de brincadeira, para não chamar as soluções de “temporárias”, pois você nunca sabe quanto tempo elas vão durar.

Continua após a publicidade

Relembre também a evolução e a história do Windows ao longo dos anos.