Guia completo: como converter arquivos de vídeo para qualquer formato

Por Sérgio Oliveira

Em tempos de YouTube, nunca nos relacionamos tão intimamente com vídeos como nos dias de hoje. Não importa se você é um profissional ou amador, é certo que se você nunca mexeu com arquivos de vídeo, mais cedo ou mais tarde o fará.

E é justamente quando colocamos a mão na massa que nos deparamos com uma imensidão de formatos, que precisam ser manipulados e convertidos para determinados formatos a fim de poupar espaço no disco rígido ou simplesmente serem reproduzidos em um dispositivo em específico.

Os softwares disponíveis para converter um arquivo de vídeo para outro formato também são incontáveis e por isso separamos uma lista com as melhores ferramentas gratuitas do gênero para você. Confira:

VLC

Se tem um programa que pode ser considerado um verdadeiro "faz tudo", esse é o VLC. Muito mais do que simplesmente um reprodutor multimídia, o VLC é capaz de converter arquivos de áudio e vídeo.

Acesse a ferramenta 'Converter Salvar' do VLC para dar início a conversão do seu arquivo de vídeo

Acesse a ferramenta 'Converter Salvar' do VLC para dar início a conversão do seu arquivo de vídeo (Imagem: captura de tela / Sergio Oliveira)

Para converter seu arquivo de vídeo, abra o VLC e clique em "Mídia" > "Converter/Salvar". Uma caixa de diálogo aparecerá pedindo para você adicionar os arquivos que serão convertidos.

Na tela que se abre, selecione o arquivo a ser convertido clicando em

Na tela que se abre, selecione o arquivo a ser convertido clicando em "Adicionar" e depois clicando em "Converter Salvar" para ir para a tela de seleção do formato de saída (Imagem: captura de tela / Sergio Oliveira)

Clique em "Adicionar" e selecione o arquivo que você quer converter. Na sequência, clique em "Converter/Salvar". Agora, você precisará especificar um arquivo de saída e seu respectivo formato. Essa é a parte mais chata do processo, pois o VLC não define a extensão do arquivo de saída conforme o formato escolhido, cabendo a você determinar isso. Portanto, se você estiver convertendo um arquivo MP4 para H.264, por exemplo, terá que adicionar a extensão H.264 no fim do nome do arquivo.

Selecione o formato de saída na lista

Selecione o formato de saída na lista "Perfil" e depois aponte o local onde o arquivo será armazenado em "Arquivo de destino" (Imagem: captura de tela / Sergio Oliveira)

Após selecionar o perfil do arquivo de saída (se ele será um vídeo MP4, OGG ou TS, por exemplo), clique em "Iniciar" para começar todo o processo. Vale lembrar que, dependendo do tamanho do arquivo que você está convertendo, esse processo pode demorar horas. Além disso, dependendo da qualidade do arquivo de entrada, pode ser que o seu computador fique lento e chegue até mesmo a travar. Nesses casos, o melhor é deixá-lo quieto, sem interferir no andamento das coisas.

A parte importante de selecionar o caminho de destino do arquivo é que você precisa definir a extensão do arquivo manualmente. Neste exemplo, o formato de conversão foi MP4, logo tivemos que adicionar a extensão

A parte importante de selecionar o caminho de destino do arquivo é que você precisa definir a extensão do arquivo manualmente. Neste exemplo, o formato de conversão foi MP4, logo tivemos que adicionar a extensão ".mp4" ao fim do nome do arquivo (Imagem: captura de tela / Sergio Oliveira)

Download: VLC

Formatos suportados: H.264 | MP4 | MPEG-2 | WMV e outros

HandBrake

Muitíssimo conhecido entre grupos de legendas adeptos do hardsubbing, quando se embute uma legenda num arquivo de vídeo, o HandBrake agora conta opções que permitem converter vários tipos de arquivo de vídeo para diversos formatos.

O grande atrativo do HandBrake é a interface simplificada e bastante intuitiva. Ao selecionar um arquivo para conversão, você é apresentado a uma série de controles separados por abas. Aqui você define o formato de saída, dimensões do vídeo, se haverá legenda embutida etc

O grande atrativo do HandBrake é a interface simplificada e bastante intuitiva. Ao selecionar um arquivo para conversão, você é apresentado a uma série de controles separados por abas. Aqui você define o formato de saída, dimensões do vídeo, se haverá legenda embutida etc. (Imagem: captura de tela / Sergio Oliveira)

Além da grande quantidade de formatos, o HandBrake ganha pontos por causa da sua interface limpa e intuitiva, que facilita bastante o serviço principalmente para quem nunca se aventurou nesse tipo de atividade. Outro aspecto positivo é que o HandBrake possui versões para os principais sistemas operacionais da atualidade, não se limitando apenas ao Windows. Logo, se você usa Linux ou Mac OS X pode baixá-lo para executar suas conversões sem problemas.

Por fim, com ele você pode ajustar a qualidade do arquivo de saída, cortar aquelas listras pretas que ficam nas partes superior e inferior do vídeo e muito mais.

Com tudo configurado, basta pressionar o botão

Com tudo configurado, basta pressionar o botão "Start" para iniciar a conversão do vídeo. Caso queira converter mais de um arquivo por você, pode adicionar ele a uma fila clicando em "Add to Queue" e depois setar o perfil de conversão de outro arquivo (Imagem: captura de tela / Sergio Oliveira)

Quando tiver feito os ajustes necessários e definido o formato de saída do arquivo, basta clicar em "Start" para dar início ao processo. Depois, é só esperar e ver o resultado final - simples, sem complicações.

Download: HandBrake

Formatos suportados: H.264 | MKV | MP4 | MPEG-2 | WMV e outros

Any Video Converter

O Any Video Converter é um daqueles softwares que à primeira vista parecem bem ordinários, sem nenhum diferencial significativo. Contudo, quem o instala logo se surpreende pelo leque de possibilidades de conversão oferecido.

Aqui, é possível não só converter arquivos AVI, MP4, MKV, MOV e FLV entre si, como também extrair apenas a faixa de áudio de um arquivo MP4 para MP3, OGG, AAC, WMA, WAV e FLAC, dispensando o uso de uma ferramenta específica de extração de áudio.

O AVC também conta com um visual bem intuitivo e auto-explicativo. Além de arquivos de vídeo armazenados no computador, ele também trabalha com conversão de DVDs e gravação de vídeos dentro do próprio software

O AVC também conta com um visual bem intuitivo e autoexplicativo. Além de arquivos de vídeo armazenados no computador, ele também trabalha com conversão de DVDs e gravação de vídeos dentro do próprio software (Imagem: captura de tela / Sergio Oliveira)

Como se isso não fosse suficiente, o AVC vem com uma ferramenta que permite fazer o download de vídeos hospedados em sites como YouTube, DailyMotion e Vimeo. E se você quiser baixar vários dele de uma só vez, não tem problema - o programa organiza uma fila de downloads, que, quando concluídos, são convertidos automaticamente para o formato que você desejar.

Com o arquivo a ser convertido selecionado, você pode definir o perfil de conversão no menu ao lado do botão

Com o arquivo a ser convertido selecionado, você pode definir o perfil de conversão no menu ao lado do botão "Converter agora". Lá, você encontra perfis pré-definidos para formatos e dispositivos específicos (Imagem: captura de tela / Sergio Oliveira)

Além disso, também é possível realizar alguns ajustes finos, como cortes, correção de cores, brilho e contraste e rotação do vídeo - características que o tornam perfeito para edições rápidas.

O único "porém" do Any Video Converter é que ele tenta instalar barras de navegação no seu computador. Portanto, fique esperto na hora da instalação e desmarque a caixa de seleção no wizard.

Outro recurso bacana é a capacidade de fazer o download de vídeos diretamente do YouTube. Para isso, basta clicar em

Outro recurso bacana é a capacidade de fazer o download de vídeos diretamente do YouTube. Para isso, basta clicar em "Adicionar URL(s)", clicar no botão de "+", colar o endereço do vídeo na web e, finalmente, clicar em "Começar a transferência". Todos os arquivos são salvos na pasta "Vídeos" do Windows (Imagem: captura de tela / Sergio Oliveira)

Download: Any Video Converter

Formatos suportados: AVI | MP4 | MKV | MOV | FLV e outros

Free Studio

Se você é daqueles que gosta de ter tudo em um só lugar ou simplesmente não aguenta procurar uma ferramenta específica para converter um formato em particular, o Free Studio é a solução.

Embora não seja uma das ferramentas mais rápidas disponíveis por aí, este software cumpre muito o que se propõe a fazer e os resultados agradam sobretudo quem busca apenas converter um e outro arquivo.

A palavra de ordem aqui é diversidade. O Free Studio trabalha com praticamente todos os tipos de arquivos de vídeo, áudio e imagem. Tudo é feito nessa interface bem objetiva. Adicione os arquivos, defina um perfil de conversão em

A palavra de ordem aqui é diversidade. O Free Studio trabalha com praticamente todos os tipos de arquivos de vídeo, áudio e imagem. Tudo é feito nessa interface bem objetiva. Adicione os arquivos, defina um perfil de conversão em "predefinições" e comece a conversão. (Imagem: captura de tela / Sergio Oliveira)

Assim como o Any Video Converter, o Free Studio também tem uma ferramenta "chupa-cabra" que baixa todo e qualquer vídeo das principais plataformas de vídeo da atualidade, incluindo aí o YouTube, DailyMotion e até mesmo o Instagram. Portanto, se você quer trabalhar localmente em cima de algum vídeo postado nesses sites, este software pode ser uma opção bastante interessante.

Outra característica do AVC que se repete aqui é o processo de instalação, que esconde algumas pegadinhas e exige atenção redobrada para não acabar com barras de navegação e adwares instalados na máquina.

Preste atenção na hora da instalação do Free Studio para não acabar deixando passar a instalação de barras de navegadores e adwares

Preste atenção na hora da instalação do Free Studio para não acabar deixando passar a instalação de barras de navegadores e adwares (Imagem: captura de tela / Sergio Oliveira)

Download: Free Studio

Formatos suportados: Todos os formatos de vídeo, áudio e imagem mais conhecidos

Freemake Video Converter

Se a sua pegada é trabalhar com formatos mais obscuros e menos tradicionais, mas mesmo assim quer ter tudo reunido numa única ferramenta, o Freemake Video Converter foi feito para você.

Além dos tradicionais AVI, MP4, MKV, WMV e FLV, o FVC permite converter arquivos de vídeo par que eles rodem em videogames como PSP, Xbox e PlayStation, além de dispositivos iOS e Android.

O ponto forte do Freemake também é o suporte amplo aos mais variados tipos de arquivos, desde vídeo a imagens, passando por DVD e áudio. Selecione seu arquivo clicando em

O ponto forte do Freemake também é o suporte amplo aos mais variados tipos de arquivos, desde vídeo a imagens, passando por DVD e áudio. Selecione seu arquivo clicando em "Vídeo" e depois selecionando o tipo de dispositivo que o receberá. Aqui há desde os formatos mais tradicionais, até opções para rodar o arquivo no PlayStation, PSP e Xbox (Imagem: captura de tela / Sergio Oliveira)

Quem está familiarizado com o mundo das legendas pode usar este software para importar os textos e embuti-los diretamente nos arquivos de vídeo. Algo extremamente útil principalmente para quem curte baixar filmes e assisti-los no iPad, por exemplo, que não oferece suporte a legendas externas.

Fora os formatos mais excêntricos, o Freemake Video Converter se diferencia do Free Studio por ser mais leve e ter uma interface mais bem trabalhada e fácil de utilizar.

Feito isso, defina os parâmetros de saída na lista

Feito isso, defina os parâmetros de saída na lista "Predefinidos" e finalmente clique em "Converter" para dar início ao processo (Imagem: captura de tela / Sergio Oliveira)

Download: Freemake Video Converter

Formatos suportados: Mais de 300 formatos de vídeo, áudio e imagem

Não viu o seu software de conversão de vídeos favorito na lista? Então não se acanhe e compartilhe a sua dica com os demais leitores na caixa de comentários aqui embaixo.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.