Xiaomi deve incluir gravação em 8K no seu próximo smartphone, indica fonte

Por Felipe Junqueira | 02 de Janeiro de 2020 às 16h15
Felipe Junqueira/Canaltech
Tudo sobre

Xiaomi

Saiba tudo sobre Xiaomi

Ver mais

A tão aguardada gravação em 8K pode finalmente estar chegando aos smartphones. Para além dos rumores de que o próximo Galaxy S (que pode chamar S11 ou S20, mas ainda não há informações oficiais a respeito) teria suporte a esta resolução, também se espera que a Xiaomi adote o recurso muito em breve. E, conforme uma dica recebida pelo Canaltech, isso pode se tornar realidade no próximo lançamento da companhia chinesa.

Ricardo Guariento é o único desenvolvedor responsável pela tradução da MIUI chinesa para o idioma português. Ele pega as linhas de texto disponibilizadas a cada atualização no GitHub para fazer as adaptações necessárias e liberar para usuários da custom ROM MIUI.eu, um projeto independente que pega as builds semanais e estáveis para traduzir do inglês, único idioma da versão chinesa além do mandarim, para outras línguas.

Segundo ele, que faz essa tradução desde a MIUI 10, uma nova linha no aplicativo de câmera disponibilizado no final de dezembro, já da versão 11.2 da interface da Xiaomi, chamou atenção. “You can record up to 6 minutes in 8K” (“você pode gravar até 6 minutos em 8K”, em tradução livre), o que “indica que o próximo lançamento da Xiaomi (talvez o Mi 10) terá suporte para gravações em 8K”, segundo o desenvolvedor.

Linhas de código da MIUI 11.2 mostram possível suporte à gravação 8K (Captura: Ricardo Guariento)

Bom lembrar que os primeiros smartphones a gravar em 4K tinham um limite de 5 minutos, impostos principalmente pela plataforma da Qualcomm, que aqueceria demais gravando em um tempo maior, o que poderia comprometer o dispositivo. O salto para o 8K já permitiria um minuto a mais logo de cara, o que é um avanço considerável, se a gente lembrar que a imagem tem o dobro da resolução, o que exige poder de processamento muito maior.

No caso de você não entender muito bem como funciona esta evolução tecnológica, não basta apenas que o dispositivo tenha capacidade de gravar mais pixels. Aumentar a resolução do vídeo aumenta também a quantidade de dados processados a cada segundo, o que exige maior velocidade de leitura e gravação desses dados. Uma resolução 8K é o dobro da 4K, então temos mais ou menos o dobro de dados a serem processados.

Ainda não sabemos qual será o próximo lançamento topo de linha da Xiaomi, mas espera-se que o Mi 10 seja oficializado em breve, uma vez que o Mi 9 foi apresentado próximo à MWC no ano passado — globalmente, foi lançado na feira em Barcelona.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.