Redmi Note 10 Pro vs Redmi Note 9 Pro: o que muda de uma geração para outra?

Redmi Note 10 Pro vs Redmi Note 9 Pro: o que muda de uma geração para outra?

Por Felipe Junqueira | Editado por Douglas Ciriaco | 06 de Março de 2021 às 10h00
Divulgação/Xiaomi, Montagem Canaltech

A Xiaomi lançou a nova geração de sua linha intermediária mais popular do mundo, os Redmi Note 10. Toda a série traz algumas mudanças em comparação com os antecessores, e na variante Pro isso fica evidente em tela e câmera, principalmente.

De resto, há muita atualização de componentes ou manutenção de característica do antecessor. O lado bom é que não tem nenhum downgrade significativo, e tanto a construção, que alia vidro e plástico, quanto a bateria, que tem boa capacidade, foram mantidos. O design mudou um pouco e fica fácil diferenciar cada modelo ao olhar para eles.

Veja abaixo o comparativo entre Redmi Note 10 Pro e Redmi Note 9 Pro para entender o que muda na ficha técnica e na experiência, para no final entender qual deles vale mais a pena no momento.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Design e construção

Enquanto a maior parte das fabricantes corta custos ao adotar acabamento em plástico até mesmo em celulares considerados topo de linha, a Xiaomi mantém o acabamento em vidro no Redmi Note 10 Pro, como já havia feito com o Redmi Note 9 Pro no ano passado. Não é uma característica tão importante para muita gente, mas quem faz questão desse material agradece.

Redmi Note 10 Pro (Imagem: Divulgação/Xiaomi)

O design mudou consideravelmente, apesar de a frente manter a câmera de selfies em um furo centralizado na parte superior da tela. Atrás, as câmeras passaram para o canto superior esquerdo, agora em um conjunto que dá um destaque ao sensor principal, com uma espécie de moldura prateada, enquanto os outros três têm um fundo preto, mais discreto.

A Xiaomi ainda afirma que o aparelho tem certificação IP53 contra água e poeira (basicamente, um revestimento contra respingos). Não havia menção a qualquer tipo de proteção no modelo do ano passado. Conectores USB-C e P2 estão presentes nos dois modelos.

Tela

  • Redmi Note 10 Pro: 6,67 polegadas, resolução Full HD (1080x2400 pixels), Super AMOLED, 120 Hz;
  • Redmi Note 9 Pro: 6,67 polegadas, Full HD (1080x2400 pixels), IPS LCD, 60 Hz.

O display da nova geração é quase o mesmo da antiga, exceto por dois detalhes fundamentais que devem agradar uma grande parcela de usuários: o painel IPS LCD dá lugar ao Super AMOLED, e a taxa de atualização de 60 Hz, padrão na indústria até recentemente, passa a ser de 120 Hz.

De resto, mesma coisa: 6,67 polegadas e resolução Full HD, com a mesma proporção e tudo o mais. Fica igual o que já estava de bom tamanho e a Xiaomi traz duas boas novidades ao modelo mais novo, trazendo cores mais vivas, preto mais profundo e maior fluidez na reprodução de animações, vídeos e jogos.

Redmi Note 9 Pro tem câmeras centralizadas na traseira (Imagem: Divulgação/Xiaomi)

Câmeras

  • Redmi Note 10 Pro: 108 MP (principal) + 8 MP (ultrawide) + 5 MP (macro) + 2 MP (profundidade) + 16 MP (frontal);
  • Redmi Note 9 Pro: 64 MP (principal) + 8 MP (ultrawide) + 5 MP (macro) + 2 MP (profundidade) + 16 MP (frontal);

Em câmeras também há poucas mudanças. Tirando a atualização dos sensores, o principal dobrou a resolução para 108 MP, com abertura f/1.8. O Redmi Note 9 Pro tem 64 MP com abertura f/1.9, uma diferença que, na tela do celular, deve ser pouco notada, já que traz um pouco mais de nitidez, além de juntar mais pixels em um só para gerar imagens com menos ruídos em ambientes com pouca luz.

As outras câmeras, ultrawide, macro e profundidade, e até mesmo a selfie, não trazem mudança significativa. Até a captura de vídeo foi mantida no 4K a 30 quadros por segundo na principal e 1080p com 30 quadros por segundo na frontal.

Processamento e memória

  • Redmi Note 10 Pro: Snapdragon 732G Octa-core (2x 2,3 GHz Kryo 470 Gold + 6x 1,8 GHz Kryo 470 Silver);
  • Redmi Note 9 Pro: Snapdragon 720G Octa-core (2x 2,3 GHz Kryo 465 Gold + 6x 1,8 GHz Kryo 465 Silver).

O hardware também mudou pouca coisa, sendo basicamente uma atualização do modelo anterior para algo um pouco mais preparado para as tarefas mais comuns de 2021. Claro que o Snapdragon 732G aguenta mais que apenas os processos mais simples, é apenas uma maneira de explicar que a diferença não é muito grande para o antecessor Snapdragon 720G, inclusive a velocidade dos núcleos é a mesma.

Em memória, o armazenamento UFS 2.1 foi substituído por uma versão mais recente, o UFS 2.2, mas as opções são as mesmas: 6/64 GB, 6/128 GB e 8/128 GB.

Resumindo, você pode esperar um ganho razoável de velocidade no Redmi Note 10 Pro comparado a seu antecessor, mas nada que justifique uma troca urgente do antigo pelo novo.

Redmi Note 10 Pro se destaca pela câmera (Imagem: Dvulgação/Xiaomi)

Bateria

  • Redmi Note 10 Pro: 5.020 mAh com carregamento rápido de 33 W com fio;
  • Redmi Note 9 Pro: 5.020 mAh com carregamento rápido de 30 W com fio.

Em bateria, a capacidade foi mantida nos 5.020 mAh, enquanto a potência do carregador aumentou um pouco, de 30 W para 33 W. Isso significa que o Redmi Note 10 Pro fica alguns poucos minutos a menos na tomada para fazer o preenchimento total da bateria.

Com relação ao tempo de uso, deve ser mais ou menos o mesmo, já que apesar de a tela Super AMOLED ser mais econômica que a IPS LCD, principalmente em imagens mais escuras, a taxa de atualização aumentou. Ou seja, você pode esperar algo entre um a dois dias de uso normal no Redmi Note 10 Pro, como já podia ser extraído no Note 9 Pro.

Recursos extras

Os celulares intermediários da Xiaomi não costumam entregar recursos diferentes, mas trazem alguns diferenciais para outros modelos da mesma faixa de preço. Assim como o Redmi Note 9 Pro, o Note 10 Pro oferece, ao menos em alguns mercados, a conectividade NFC e infravermelho, para pagamentos por aproximação e controlar outros dispositivos, como televisões.

Redmi Note 10 Pro vs Redmi Note 9 Pro: qual vale a pena?

Como demonstrado, há algumas poucas diferenças da nova geração para o modelo do ano passado, apesar de um ou outro ponto poder ser considerado fundamental por um ou outro usuário. No geral, porém, o Redmi Note 9 Pro é um celular quase tão bom quanto o Note 10 Pro, e se você já tem um, não há muita razão para gastar seu suado dinheiro no lançamento de agora.

Se a sua dúvida está entre um e outro, o jeito é avaliar o preço de cada um e pensar se para você compensa gastar a diferença para levar tela AMOLED com taxa de atualização melhor, hardware preparado para aguentar mais tempo sem dar problema, e uma câmera com um pouco mais de resolução.

Redmi Note 10 Pro: ficha técnica

  • Tela: Super AMOLED de 6,67'', Full HD (1080 x 2400 pixels), 120 HZ;
  • Chipset: Qualcomm Snapdragon 732G;
  • Memória RAM: 6 GB ou 8 GB;
  • Armazenamento interno: 64 GB ou 128 GB com suporte para micro SD;
  • Câmera traseira: 108 MP (principal) + 8 MP (ultrawide) + 5 MP (macro) + 2 MP (profundidade);
  • Câmera frontal: 16 MP;
  • Dimensões: 164 x 76,5 x 8,1 mm;
  • Peso: 193 gramas;
  • Bateria: 5.020 mAh com carregamento rápido de 33 W;
  • Extras: NFC, infravermelho, leitor de digitais lateral, BT 5.1, proteção contra respingos d'água;
  • Cores disponíveis: cinza, azul, bronze;
  • Sistema operacional: Android 11.

Redmi Note 9 Pro: ficha técnica

  • Tela: IPS LCD de 6,67'', Full HD (1080 x 2400 pixels), 60 Hz;
  • Chipset: Qualcomm Snapdragon 720G;
  • Memória RAM: 6 GB;
  • Armazenamento interno: 64 GB ou 128 GB com suporte para microSD;
  • Câmera traseira: 64 MP + 8 MP (ultrawide) + 5 MP (macro) + 2 MP (profundidade);
  • Câmera frontal: 16 MP;
  • Dimensões: 165.8 x 76.7 x 8.8 mm;
  • Peso: 209 g;
  • Bateria: 5.020 mAh com carregamento rápido de 30 W.
  • Extras: NFC, infravermelho, leitor de digitais lateral, BT 5.0;
  • Cores disponíveis: azul, branco e preto;
  • Sistema operacional: Android 10.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.