Realme 3 Pro é lançado com câmera frontal de 25MP e 6GB de RAM por até US$ 218

Por Thaís Augusto | 22 de Abril de 2019 às 18h48
Divulgação / Realme
Tudo sobre

Saiba tudo sobre Realme 3

Ficha técnica

A chinesa Realme apresentou nesta segunda-feira (22) o Realme 3 Pro, o segundo smartphone da marca lançado neste ano. O modelo Pro chega ao mercado com boas especificações para a sua faixa de preço.

O novo dispositivo conta com uma tela full HD de 6,3 polegadas e um chipset Snapdragon 710, processador que promete recursos premium para aparelhos mais acessíveis. Naturalmente, a memória RAM e as câmeras do modelo Pro são melhores do que as do modelo anterior.

No departamento de câmeras, o Pro acompanha uma configuração de 16MP e outra lente de 5MP, com o mesmo sensor IMX519 da Sony, visto no OnePlus 6T. A selfie agora captura fotos de 25MP, uma grande atualização em relação à câmera frontal de 13 MP do Realme 3. Na traseira, o aparelho abriga um sensor de impressões digitais.

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

A Realme venderá o aparelho em três configurações: de 4 GB de memória RAM e 64 GB de espaço de armazenamento, 6 GB de RAM e 64 GB de armazenamento ou 6 GB de RAM e 128 GB de memória interna. Os usuários ainda podem comprar um microSD para expandir seu armazenamento em até 256 GB.

Com a nova interface Color OS 6.0, baseada no Android Pie, o Realme 3 Pro traz recursos sofisticados para a câmera, incluindo o Chroma Boost para fotos de contraste, o Nightscape Mode para tirar fotos no escuro e um recurso que reduz a velocidade de vídeos.

A bateria é de 4.045 mAh, e como a Realme está sob a asa da fabricante OPPO, o dispositivo recebe o carregamento rápido do Oppo, que promete carregar de 0% a 100% em 35 minutos.

O Realme 3 Pro estará disponível em três cores – cinza carbono, azul nitro e roxo relâmpago. O preço começa em US$ 180 e pode chegar a US$ 218 (cerca de R$ 706 e R$ 856).

Assim como o Realme 3, não há previsão para que o aparelho chegue ao Brasil.

Fonte: GSMArena

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.