Oppo e Xiaomi exibem os primeiros smartphones com câmera sob o display

Por Rafael Arbulu | 03 de Junho de 2019 às 09h40
(Captura de Imagem: Rafael Arbulu)

As câmeras dos smartphones são mecanismos em constante evolução: o iPhone X popularizou o notch, o Galaxy S10 usa o “buraco” (punch hole lens) para abrigar a lente e o Zenfone 6 está trazendo à moda a câmera retrátil. Mas duas fabricantes já investem em pesquisas para serem pioneiras em um novo formato: a câmera sob display.

A chinesa Oppo, por exemplo, divulgou recentemente um vídeo em seu perfil oficial no Twitter mostrando um smartphone sem nome, em estado de protótipo, que faz uso do novo tipo de câmera. O vídeo em questão mostra o recurso em pleno funcionamento.

Além da Oppo, a Xiaomi também também usou o seu perfil na rede social de microblogs para exibir detalhes do recurso.

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Embora o vídeo da fabricante chinesa tenha sido gravado a uma distância maior, é seguro dizer que o funcionamento da nova câmera é o mesmo em ambos os casos: as câmeras sob display usam a tecnologia OLED das telas dos smartphones. Como ele não requer nenhum tipo de backlight, o display pode, ao mesmo tempo, ser transparente e mostrar imagens visíveis ao olho humano. Isso porque os painéis desse formato de tela são capazes de emitir luz visível por conta própria, sem a necessidade de uma fonte de iluminação externa por trás deles.

Muito se fala hoje, por exemplo, em leitores de digitais sob o display. Bem, sensores de impressão digital são, basicamente, câmeras. O funcionamento é quase o mesmo, com a diferença de que uma câmera completa para fotografias, com imagens em alta resolução e capacidade alta de vídeo, deve exigir um trabalho ainda mais intrínseco e detalhado. Em outras palavras, a nova tecnologia de câmeras pode ser um fator que aumente o preço dos smartphones no futuro.

Evidentemente, pelo caráter de protótipo de ambos os aparelhos vistos nos vídeos, nem a Oppo, menos ainda a Xiaomi compartilharam qualquer tipo de janela de lançamento de algum aparelho que traga essa tecnologia. Entretanto, pelos vídeos acima parecerem projetos em estado avançado, é seguro especular que isso não deve demorar.

Fonte: Twitter (1) (2)

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.