Huawei P50 5G aparece em imagem sem logotipo da Leica

Huawei P50 5G aparece em imagem sem logotipo da Leica

Por Vinícius Moschen | Editado por Wallace Moté | 03 de Junho de 2022 às 15h12
Reprodução/Bruno Bertonzin

Depois de ter encerrado a sua parceria de anos com a Huawei para fechar um novo acordo com a Xiaomi, a Leica deixará de mostrar a sua marca nos novos dispositivos da empresa chinesa. Novas supostas imagens do P50 5G mostram o celular com uma identidade visual bastante parecida com os outros modelos da linha, mas já sem a indicação da fornecedora de componentes para a câmera.

Aparelhos como o P50 e P50 Pro foram lançados com a inscrição da Leica virada na vertical, logo abaixo dos dois círculos que compõem o módulo de câmeras. Entretanto, as imagens reveladas pelo perfil @RODENT950 mostram que esta seção será substituída por algumas palavras — entretanto, devido à baixa resolução da imagem, não é possível confirmar o que está escrito.

O modelo ainda traz a marca da TD Tech, uma empresa autorizada a vender clones de celulares da Huawei. Ela atua como uma espécie de “drible” nas sanções impostas pelo governo americano, que limitou a operação da companhia chinesa em vários locais pelo planeta.

P50 5G deverá reunir características semelhantes ao 4G

Linha P50 foi lançada no ano passado com marca da Leica abaixo das câmeras (Imagem: Divulgação/Huawei)

A postagem ainda indica que o dispositivo não terá grandes mudanças em relação ao modelo lançado no ano passado com 5G. Na época, o P50 foi apresentado com uma versão modificada do Snapdragon 888 sem acesso a redes 5G — o novo modelo deverá trazer a mesma plataforma, mas já com a última geração de conectividade móvel.

No mais, o smartphone não deverá ter alterações adicionais em relação ao P50 4G já conhecido. Por isso, ele pode contar com 8 GB de RAM e até 256 GB de armazenamento interno, enquanto roda o sistema operacional HarmonyOS baseado no Android 11.

O P50 5G ainda poderá trazer uma tela OLED de 6,5 polegadas, com resolução de 1.224 x 2.700 pixels e suporte para taxa de atualização de 90 Hz. O painel tem bordas quase simétricas, com um furo centralizado na parte superior para acomodar a câmera frontal.

O conjunto de câmeras traseiras do aparelho deverá contar com um sensor principal de 50 MP, junto a uma telefoto de 12 MP e sensor adicional de 13 MP para conteúdos em ultrawide e macro. Na frente, a câmera de selfies contará com um sensor de 13 MP.

A construção do P50 5G poderá abrigar uma bateria de 4.100 mAh, com suporte para recarga de 66 W por meio de porta USB-C. Há também compatibilidade com carregamento sem fio em bases wireless.

Ainda não existe uma data definida para o lançamento do novo dispositivo, mas é provável que ele apareça já nas próximas semanas. O mesmo perfil @RODENT950 também apontou para a possível apresentação de um modelo TD-M50 com Snapdragon 8 Plus Gen 1 e conectividade 5G, mas não foram dados mais detalhes sobre ele.

Fonte: Twitter/@RODENT950

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.